Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

29 Junho de 2015 | 12h41 - Actualizado em 29 Junho de 2015 | 12h40

Burundi: Decorrem eleições legislativas marcadas por clima de tensão

Bujumbura - Os locais de votação das eleições legislativas e locais do Burundi abriram as portas nesta segunda-feira num clima tenso na capital Bujumbura, após dois meses de protestos contra o presidente Pierre Nkurunziza, que deseja disputar um terceiro mandato.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Bandeira do Burundi

Três horas depois da abertura dos locais de votação, uma granada explodiu perto de uma secção eleitoral em Musaga, um bairro de Bujumbura que é o epicentro dos protestos.              

A granada foi lançada em direcção aos polícias que patrulhavam a avenida principal do bairro, mas não deixou feridos.           

A grande incógnita do dia é o nível de participação nas eleições, que a oposição decidiu boicotar por considerar que não existiam condições para o voto livre.          

Quase 3,8 milhões de eleitores estão registados para votar num pleito que também é boicotado pela sociedade civil.             

O governo não aceitou adiar novamente as eleições, apesar dos apelos da comunidade internacional, da União Africana e dos países da região, que consideram que o actual clima no país não permite a organização de eleições com credibilidade.

              

Centros de votação foram atacados durante a noite, tanto na capital como na província, mas os atacantes não conseguiram destruir o material eleitoral, segundo a polícia.

Assuntos Burundi  

Leia também
  • 26/06/2015 18:36:03

    Burundi: Mediadores internacionais propõem adiamento de eleições para 31 de Julho

    Bujumbura - Os mediadores internacionais que pretendem fazer o Burundi sair da crise política em que se encontra desde o fim de Abril propuseram atrasar a celebração das eleições pendentes - legislativas, locais e presidenciais - para 31 de Julho, segundo fontes seguras.

  • 26/06/2015 12:39:45

    Burundi: Oposição decide boicotar eleições

    Bujumbura - A oposição burundesa decidiu boicotar todas as eleições previstas neste mês no país, considerando que as condições não estão reunidas para a sua realização, anunciou hoje, sexta-feira, um dos seus responsáveis à AFP.

  • 26/06/2015 10:47:56

    Burundi: Mediadores internacionais propõem adiamento das eleições para 31 de Julho

    Bujumbura - Os mediadores internacionais, que pretendem encontrar uma solução para que o Burundi saia da crise política em que se encontra desde finais de Abril, propuseram adiar a realização das eleições legislativas, comunais e presidenciais para 31 de Julho, segundo fontes coincidentes.