Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

29 Outubro de 2015 | 11h09 - Actualizado em 29 Outubro de 2015 | 11h41

BAD concede 192 milhões de euros à Tunísia para modernização de infra-estruturas rodoviárias

Abidjan - O Conselho de Administração do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) aprovou quarta-feira um empréstimo de 190 milhões e 120 mil euros e uma doação de um milhão e 500 mil euros à Tunísia para o financiamento do Projecto de Modernização das Infraestruturas Rodoviárias (PMIR).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Logotipo do Banco de Desenvolvimento Africano (BAD)

Foto: devolgação

O empréstimo e a doação, concedidos ao Estado tunisino, servirão para financiar a reabilitação de 719 quilómetros de estradas classificadas, a reconstrução de 23 obras artísticas e a realização de estudos visando a melhoria da gestão do subsector rodoviário.

Este projecto inscreve-se na conclusão das acções de modernização da rede rodoviária classificada tunisina lançadas desde finais dos anos 1990 com apoio contínuo do BAD.

Segundo o director do BAD para o Departamento de Transporte, Tecnologias de Informação e Comunicação e Desenvolvimento Urbano, este projecto consolida as intervenções anteriores do BAD no subsector rodoviário na Tunísia.

O BAD contribuiu para a reabilitação e a modernização de mais de quatro mil quilómetros de estradas, bem como a construção de mais de uma centena de obras artísticas na Tunísia durante os últimos 15 anos.

A realização do PMIR permitirá melhorar a mobilidade dos utentes na rede rodoviária classificada ao reduzir os constrangimentos de transporte ligados ao estreitamento dos pavimentos e ao seu estado estrutural.

Além disso, ele contribuirá para salvaguardar o património existente, permitindo favorecer as trocas intra e interregionais e reduzir as  disparidades sociais.

Ele permitirá reduzir os acidentes e melhorar a resiliência das infraestruturas rodoviárias aos efeitos da mudança climática.

Assuntos Financiamento  

Leia também