Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

15 Agosto de 2016 | 12h43 - Actualizado em 15 Agosto de 2016 | 12h43

Tunísia: Tunisinas boicotam cerimónia de homenagem à mulher

Túnis - Várias personalidades femininas tunisinas boicotaram sábado a cerimónia organizada pela Presidência tunisina na presença do chefe de Estado, Béji Caïd Essebsi, para prestar homenagem às mulheres por ocasião da festa da mulher.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Tunísia: Presidente tunisino, Beji Caid Essebsi que participou no data celebrativa das mulheres do seu país

Foto: FETHI BELAID

A efeméride coincide com o 60º aniversário da promulgação do Código do Estatuto Pessoal, a 13 de Agosto de 1956.

Este texto promulgado pelo primeiro Presidente tunisino, Habib Bourguiba,  é considerado na época como um grande progresso nos direitos das mulheres.

Entre as personalidades que boicotaram a cerimónia presidencial, figuram a escritora tunisina Olfa Youssef e a apresentadora de rádio e jornalista Aida Arab.

Se a primeira afirmou preferir passar o dia de 13 de Agosto em família, a segunda defendeu simplesmente que esta festa não representava nada para ela.

Ao defender a mesma posição, a humorista Saoussen Maalej indicou que ela não é  fã das ocasiões folclóricas anuais.

A humorista interrogou-se sobre o significado de uma tal celebração enquanto várias mulheres morrem anualmente quando são transportadas como gado.

Assuntos Tunísia  

Leia também