Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

31 Agosto de 2016 | 17h27 - Actualizado em 31 Agosto de 2016 | 17h26

Gabão/Presidenciais: Comissão Eleitoral valida reeleição de Bongo

Libreville - A Comissão Eleitoral Nacional (CÉNAP) do Gabão validou esta quarta-feira, em Libreville, a reeleição do presidente Ali Bongo Ondimba face ao seu rival Jean ping, soube-se junto dos membros dessa instituição à saída da sua reunião plenária, noticiou a AFP.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ali Bongo, vencedor das eleições presidenciais no Gabão

Foto: Lino Guimarães

O ministro do Interior é todavia a única personalidade habilitada a proclamar legalmente à televisão os resultados oficiais privisórios do escrutínio de sábado, a partir da sede da Cénap, numa alocução aguardada proximamente.

Os membros da Comissão Eleitoral pronunciram-se ao boletim secreto sobre os processo-verbais contestados pela oposição.

"A oposição absteve-se", precisou um dos seus delegados, denunciando uma "passagem em força".

Os delegados de Ping contestam os resultados em uma das nove províncias do país, o Haut-Ogooué, bastião da etnia Téké dos Bongo.

Bongo obteve nesta província 95,46 porcento dos sufrágios, com uma participação de 99,93 porcento para 71 mil e 714 inscritos, após o processo-verbal que deveria servir de base ao debate.

Esse resultado permitiu ao presidente cessante sair vitorioso com 49,80 porcento a nível nacioal, contra 48,23 porcento para o seu rival Jean Ping, com uma taxa de participação de 59,46 porcento, de acordo ainda com esses documentos provisórios.

Isso, representa uma diferença de cinco mil e 594 votos a favor de Bongo perante Ping sobre os 627 mil e 805 eleitores inscritos para a eleição presidencial que se desenrolou sem quaisquer incidentes.

"Jean Ping reafirmou vigorosamente, em acordo com a União Europeia e os Estados Unidos, que a recontagem asembleia por assembleia, torna-se como o único meio de garantir a lealdade do escrutínio", indicou num comunicado o seu assistente para a comunicação no Gabão, Jean-Gasaprd Ntoutoume Ayi, e sua advogada em Paris, Eric Moutet.

Contudo, não foi precisado se a recontagem irá abrangir somente a província de Haut-Ogooué.               

               

Assuntos Eleições  

Leia também
  • 30/08/2016 19:45:49

    Gabão/Eleições: Governo denuncia "ingerências múltiplas" em particular da França

    Libreville - O porta-voz do governo gabonês, Alain-Claude Billie-By-Nze, denunciou esta terça-feira, em Libreville, as "ingerências múltiplas", visando a França e a Côte D'ivoire, numa altura em que foi suspenso o anúncio dos resultados, noticiou a AFP.

  • 28/08/2016 15:54:14

    Gabão/Eleições: Jean Ping declara-se "presidente eleito"

    Libreville - O opositor Jean Ping, auto-proclamou-se este domingo, perante a imprensa e seus simpatizantes em Libreville, como vencedor da eleição presidencial à uma volta no Gabão, cujos resultados oficiais serão conhecidos na próxima terça-feira, noticiou a AFP.

  • 23/08/2016 17:11:07

    RD Congo: Eleições presidenciais adiadas para Julho de 2017

    Kinshasa - As eleições presidenciais na República Democrática do Congo, inicialmente previstas para 2016, foram adiadas para Julho de 2017, por razões logísticas, confirmou segunda-feira em Kinshasa, o presidente da Comissão Eleitoral Independente (CENI), Corneille Nangaa, citado pela Prensa Latina.