Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

14 Novembro de 2017 | 13h38 - Actualizado em 14 Novembro de 2017 | 13h35

Líbia: ONU considera desumana cooperação da UE para conter migrantes

Genebra - A política da União Europeia (UE) de cooperação com as autoridades líbias para interceptar os migrantes no Mediterrâneo e transferi-los para as "espantosas" prisões na Líbia é "desumana", denunciou a ONU nesta terça-feira.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zeid Ra'ad Al Hussein, Alto-comissário da ONU para os Direitos Humanos

Foto: FABRICE COFFRINI

"O sofrimento dos migrantes detidos na Líbia é um ultraje à consciência da humanidade", afirma o Alto-comissário das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Zeid Ra'ad Al Hussein, num comunicado, citado pela AFP.

No texto, o responsável chama "a política da União Europeia de assistência à Guarda Costeira líbia para interceptar e devolver os migrantes no Mediterrâneo (de) desumana".

Assuntos Líbia  

Leia também
  • 06/11/2017 10:24:43

    Líbia: Vice-ministro líbio do Interior sai ileso de tentativa de assassinato em Benghazi

    Trípoli - O capitão Faraj Kaiem, vice-ministro do Interior do Governo de União Nacional líbio reconhecido pela comunidade internacional, sobreviveu a uma tentativa de assassinato com carro armadilhado domingo à tarde, na zona de Sidi Khalifa, na cidade de Benghazi, no leste do país.

  • 01/11/2017 13:18:28

    Líbia: Cerca de 300 migrantes socorridos no leste de Tripoli

    Tripoli - Cerca de 300 migrantes foram socorridos ao largo da costa líbia, a leste de Tripoli, quando tentavam chegar à Europa de barco, anunciou nesta quarta-feira um responsável da marinha líbia.

  • 31/10/2017 09:53:34

    Líbia: ONU condena massacre de 36 pessoas em Al-Abbiar

    Tripoli - O representante especial do Secretário-Geral e chefe da Missão de Apoio das Nações Unidas na Líbia (UNSMIL), Ghassan Salamé, condenou segunda-feira com firmeza a assassinato de 36 pessoas, cujos corpos foram encontrados na semana passada na região de Al-Abbiar, no leste da Líbia.