Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

03 Julho de 2018 | 17h17 - Actualizado em 03 Julho de 2018 | 17h17

Uganda: Governo repatria 72 ruandeses em situação ilegal no país

Kampala - O governo ugandês repatriou na noite de segunda-feira, 72 cidadãos ruandeses, que viviam ilegalmente nesse país, confirmaram nesta terça-feira, fontes oficiais, citadas pela Prensa Latina.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Mapa do Uganda

Foto: Foto de Divulgação

Segundo as autoridades ugandesas, 41 homens, 20 mulheres e 11 crianças, foram detidos por falta de documentos migratórios e posteriormente enviados de volta ao vizinho Ruanda.

Os ruandeses viajaram em autocarros confiscados na cidade de Muhanga, no distrito ocidental de Rukiga, e foram escoltados de regresso ao seu país através do posto fronteiriço de Katuna.
 

Alguns deles confideciaram aos oficiais de segurança ugandeses que tinham viajado em busca de trabalhos ocasionais.

O comissário de Rukiga, Emmy Ngabirano, advertiu que os imigrantes ilegais serão detidos e repatriados, tendo aconselhado aos transportadores para não trazer estrangeiros sem os documentos necessários para evitar inconveniências.

Assuntos Imigração  

Leia também