Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

11 Setembro de 2018 | 12h19 - Actualizado em 11 Setembro de 2018 | 12h24

IGAD reúne-se para discutir pontos de discórdia no Sudão do Sul

Addis Abeba - A Autoridade Intergovernamental para o Desenvolvimento (IGAD), mediadora do conflito do Sudão do Sul, reúne-se em Conselho de Ministros esta terça-feira, em Addis Abeba, para tentar encontrar soluções das longas negociações de paz na nação mais jovem do mundo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

IGAD analisa pontos de discórdia entre líder rebelde Riek Machar e presidente sul-sudanês Salva Kiir

Foto: Divulgação

Os ministros devem examinar os últimos pontos de acordo e de discórdia, antes da cimeira dos chefes de Estado da região e da assinatura final de um novo acordo de paz, na quarta-feira.

Pode-se estar a poucos dias de um novo acordo global de paz no Sudão do Sul, o primeiro desde 2015.

Enquanto decorrem há várias semanas, em Cartum (Sudão), as negociações de paz, prevê-se igualmente a participação dos membros das duas partes na reunião da IGAD, na capital etíope.

O governo e a oposição aprovaram a última versão do acordo de paz, bem como o calendário e as modalidades de aplicação deste texto.

No entanto, os grupos armados alertaram que possuem ainda reservas que deverão ser transmitidas ??aos ministros da IGAD e tomadas em consideração, caso contrário irão boicotar a assinatura final do acordo.

Entre os pontos de discórdia figuram o número de Estados federais e a demarcação das suas fronteiras; o quórum das reuniões parlamentares, do conselho de ministros e dos governos locais, bem como o processo de reforma constitucional.

Além disso, a oposição exige o envio de tropas quenianas e etíopes, além dos militares sudaneses e ugandeses previstos, para ajudar na implementação do acordo no terreno.

Estas reservas foram formalmente transmitidas ao Conselho de Ministros da IGAD, que deve deixar recomendações aos chefes de Estado da região, que deverão se reunir na quarta-feira.

Para além destas divergências, acrescem-se as tensões internas, particularmente no seio do grupo SSOA, onde duas facções continuam a opôr-se ao texto final.

Assuntos Sudão do Sul  

Leia também
  • 05/09/2018 11:10:34

    Sudão do Sul: HCR facilita encontro sobre a paz em Cartum

    Nova Iorque - Agência das Nações Unidas para os Refugiados (HCR) realizou terça-feira, em Cartum, uma reunião entre os dirigentes políticos do Sudão do Sul e representantes de refugiados do Sudão do Sul durante as principais conversões de paz.

  • 29/08/2018 14:06:17

    Sudão: Adiada a assinatura do acordo sobre o Sudão do Sul

    Cartum - O último ciclo de negociações de paz sobre o Sudão de Sul terminou terça-feira, em Cartum, sem que a oposição armada assinasse o projecto de acordo final, notícia à Xinhua.

  • 29/08/2018 12:54:32

    Riek Machar vai finalmente assinar acordo de paz do Sudão do Sul

    Cartum - O líder rebelde do Sudão do Sul, Riek Machar, vai finalmente assinar o acordo final de paz com o governo, destinado a pôr fim aos cinco anos de guerra sangrenta no país mais novo do mundo, anunciou o mediador sudanês em Cartum.