Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

20 Setembro de 2018 | 16h36 - Actualizado em 20 Setembro de 2018 | 16h39

Etiópia: Governo publica preâmbulo do acordo de paz com Eritreia

Addis Abeba - O governo etíope publicou nesta sexta-feira, em Addis Abeba, os detalhes do acordo de paz assinado há três dias, na cidade saudita de Jeddah, com a Eritreia, uma vez que o desconhecimento do seu conteúdo gerava uma inquietação no seio da opinião pública, noticiou a Prensa Latina.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

MAPA DA ETIÓPIA

Foto: ANGOP

Assim, o ministério dos Assuntos Exteriores deu a conhecer que a assinatura do acordo teve em conta os estreitos vínculos de geografia, história, cultura e religião, entre os dois países e seus povos.

Adianta que se baseou no respeito pela independência, a soberania e a integridade territorial de cada Estado, em busca de uma paz duradoura e de laços que permitam alcançar nobres objectivos  

A sede da diplomacia etíope destaca que ambas nações estão decididas a estabelecer uma cooperação integral sobre a base da complementariedade e a sinergia, assim como contribuir activamente para a estabilidade regional e mundial.

Os parágrafos esboçam questões tais como o fim do estado de guerra e o início de uma nova era de paz, amizade e colaboração integral.

Por outro lado, o acordo estabelece a promoção da associação estratégica nos domínios político, segurança, defesa, económico, comercial, cultural e social.

O documento deixa claro que foram desenvolvidos projectos de investimento, incluindo o estabelecimento de zonas económicas especiais.

O texto ressalta o compromisso de implementar à decisão da Comissão de Limites entre Eritreia e Etiópia.

Os dois Estados combaterão o terrorismo e o tráfico de pessoas, armas e drogas, em conformidade com as convenções internacionais, pontualiza um dos artigos, mas outro delineia o estabelecimento de um Comité Conjunto de Alto Nível, assim como Sub-comités, caso seja necessário, para supervisionar a implementação desse acordo.

O conteúdo do acordo foi feito em duas cópias originais em amárico, tigrina, árabe e inglês, em caso de discrepância na interpretação, prevalecerá a versão inglesa.



 

Assuntos Governação  

Leia também