Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

03 Dezembro de 2019 | 10h54 - Actualizado em 03 Dezembro de 2019 | 13h06

Côte d'Ivoire : Nathalie Yamb expulsa por criticar a "Françáfrica"

Abidjan - A militante suíça - camaronesa Nathalie Yamb, do partido da oposição ivoiriense,"Líder", foi expulsa segunda-feira, 02 de Dezembro, da Côte d'Ivoire, pelas autoridades locais, por criticar a continuação do neocolonialismo francês em África.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Alassane Ouattara, Presidente da Côte d'Ivoire

Foto: AFP

O presidente do “Líder”, e antigo presidente da Assembleia Nacional, Mamadou Koulibaly, disse à AFP que a sua militante foi expulsa por actividades incompatíveis com os interesses nacionais.

Durante a última reunião Africa - Rússia que teve lugar em Sochi, Nathalie Yamb havia dito que “ a França continuava a considerar a África como sua propriedade”.

“Queremos o desmantelamento das bases militares francesas que, sob cobertura de falsos acordos de defesa, pilham os nossos recursos, alimentam rebeliões, entretêm o terrorismo e a continuação dos ditadores nos nossos países”, havia dito na ocasião.

Embora milite num partido ivoiriense, ela é considerada estrangeira que faz política na Côte d’Ivoire, critica muito as autoridades ivoiriense, perturbando a ordem pública.

Mamadou Koulibaly explica que na Côte d’Ivoire os estrangeiros não são proibidos de fazer política, mas não podem ser presidentes de partidos, lembrando que Nathalie Yamb viva há vários anos no país.

O seu combate cingia-se sobre o Franco CFA, a democracia, os direitos humanos e contra as bases militares francesas.

Muitos países africanos francófonos têm defendido a retirada da zona Franco CFA, cujo valor é regulado consoante o Euro, num banco central francês, e a criação de uma moeda única, a partir de 2020.

As autoridades ivoirienses têm sido reticentes quanto a esta ideia.

Assuntos Côte d'Ivoire  

Leia também
  • 27/08/2019 19:29:06

    Côte d'Ivoire: FPI rejeita integrar nova comissão eleitoral

    Abidjan - A Frente Popular Ivoiriense (FPI, oposição) anunciou a sua rejeição em fazer parte da nova comissão eleitoral da Côte d'Ivoire, encarregue de organizar as eleições presidenciais de 2020, considerando que esta não oferece garantia de imparcialidade.

  • 31/07/2019 11:57:32

    Côte d'Ivoire: Detectados 89 casos de febre-amarela

    Abidjan - Oitenta e nove casos de febre-amarela foram detectados nas últimas semanas na Côte d'Ivoire, resultando na morte de uma pessoa, anunciou nesta terça-feira, em comunicado, em Abidjan, o Ministério ivoiriense da Saúde.

  • 30/07/2019 09:36:50

    Côte d'Ivoire: Encontro em Bruxelas entre Gbagbo e Bédié

    Bruxelas - Laurent Gabado e Henri Konan Bédié, antigos presidentes da Côte d'Ivoire, encontraram-se segunda-feira, 29, em Bruxelas, onde analisaram a possibilidade da criação de uma frente comum as eleições presidenciais de 2020, noticia a AFP.