Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

16 Abril de 2019 | 04h09 - Actualizado em 16 Abril de 2019 | 04h09

Epidemia de sarampo causa 1.200 mortes no Madagáscar

Antananarivo - Mais de 1.200 pessoas morreram no Madagáscar vítimas de um surto de sarampo. Ao menos 115.000 casos já foram registrados desde Setembro do ano passado, em uma das maiores epidemias de uma doença viral que pode ser evitada com vacina dos últimos tempos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a maior parte das vítimas tem menos de 15 anos.

Em Madagáscar, apenas 58% da população é vacinada contra o sarampo. De acordo com a OMS, porém, para que a prevenção da doença seja eficaz e haja alta cobertura de imunização, 95% da população deve ter tomado a vacina.

“Infelizmente, a epidemia continua a se expandir “, embora em um ritmo mais lento do que há um mês, disse Dossou Vincent Sodjinou, um epidemiologista da OMS em Madagáscar.
A

lgumas famílias no país resistem em vacinar as suas crianças por influência da religião ou de discursos ideológicos de profissionais da saúde. Segundo Sodjinou, contudo, casos com esses são isolados. Na maior parte da África, a falta de vacinação está ligada à falta de acesso à saúde.

Assuntos África  

Leia também
  • 15/04/2019 21:57:35

    Presidente egípcio recebe líder rebelde líbio

    Cairo - O Presidente egípcio, Abdel Fattah Al-Sissi, reuniu-se domingo, no Cairo, com o líder rebelde líbio, marechal Khalifa Haftar, para abordar os últimos desenvolvimentos da situação na Líbia, anunciou o porta-voz da Presidência egípcia, Bassam Radhi.

  • 11/04/2019 23:31:05

    Nações Unidas disponibilizam 23,5 milhões para apoiar Sudão

    Nova York - As Nações Unidas anunciaram hoje (quinta-feira) que vão disponibilizar 26,5 milhões de dólares para apoiar mais de 800 mil sudaneses afectados pela crise económica e insegurança alimentar no país.

  • 02/04/2019 05:26:48

    Cabo Verde : Oposição quer que Governo repense política do emprego

    Cidade da Praia - O maior partido da oposição em Cabo Verde (PAICV) considera que os dados sobre o emprego no país, hoje divulgados, "mostram, claramente, que as políticas do Governo precisam ser repensadas".