Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » África

18 Setembro de 2020 | 14h45 - Actualizado em 18 Setembro de 2020 | 14h45

Rwanda: Ex-ministro de Educação condenado a sete anos de prisão por corrupção

Kigali, Rwanda - O ex-ministro de Estado do Rwanda para o Ensino Primário e Secundário, Isaac Munyakazi, foi condenado, quinta-feira, a sete anos de prisão por corrupção, soube a PANA de fonte juduicial em Kigali.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Munyakazi foi ministro do Ensino Primário e Secundário desde 2016, antes de se demitir do cargo, em Fevereiro de 2020, por acusações de ter comprometido as melhores classificações dos estabelecimentos do país, no termo das provas de 2019.

Segundo a imprensa local, uma escola, que figurava entre as 100 melhores do país, foi acusada de conivência com o ministro Munyakazi, para figurar entre as 10 melhores do país, depois de lhe ter subornado.

Investigações preliminares revelaram que o ex-ministro do Ensino Primário e Secundário terá recebido 500 mil francos rwandeses (aproximadamente 526 mil dólares americanos) para a gestão da classificação das escolas, depois das provas nacionais de 2019.

Desde  a sua demissão, o alto funcionário rwandês foi acusado de corrupção.

Na audiência preliminar de quinta-feira, a justiça exigiu uma pena de prisão de sete anos contra o réu, inflingindo-lhe também uma multa de cinco milhões de francos rwandeses (ou seja cinco mil 263 dólares americanos).

Assuntos Justiça  

Leia também