Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ambiente

02 Março de 2015 | 20h15 - Actualizado em 03 Março de 2015 | 12h53

Angola: Governo quer ter 20% de áreas protegidas até 2020 - diz ministra Fátima Jardim

Luanda - A ministra do Ambiente, Fátima Jardim, disse hoje, segunda-feira, em Luanda, que o país prevê, até 2020, atingir as metas internacionalmente propostas que é de 20 porcento de áreas protegidas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Fátima Jardim - Ministra do Ambiente

Foto: Joaquina Bento

Fátima Jardim avançou que hoje, Angola tem 12, 8 porcento de áreas protegidas, o que indica que a riqueza de biodiversidade está bem conservada.

Para a governante, actualmente, falar da qualidade ambiental é referir-se aos elementos - ar, terra e água, associados ao programa de saneamento básico e de infra-estruturas liderados pelas comunidades.

Informou que a implementação deste programa, que conta com a parceria do Unicef e da União Europeia tem sido um êxito, devido ao empenho do governo angolano.

Acrescentou que em pouco tempo, o sector que dirige formou mas de 38 mil activistas nas comunidades pobres, se envolveu na educação directa de mais de um milhão 800 mil cidadãos e participou na construção de 80 mil  latrinas em todo o país.

O sector esteve engajado com os sectores da saúde e governos provinciais na melhoria do saneamento liderado pelas comunidades, sobretudo nos  programas de lavagem das mãos e mãos juntas,  inserido no programa integrado de combate à pobreza.

Segundo disse, o país tem pela primeira vez um programa de qualidade ambiental que vai multi-sectorialmente dar tratamento a estas questões de forma integrada.

Em função do reajuste orçamental e da necessidade de mais receitas para financiar as despesas previstas no OGE 2015, os deputados sugeriram ao Governo a criação de novos tributos onde o Estado tem perdido e é possível tributar.

O OGE 2015 está estimado em 5,4 triliões de Kwanzas.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 31/10/2018 17:25:06

    Palestras sobre educação ambiental decorrem no Kilamba Kiaxi

    Luanda - Um ciclo de palestra sobre educação ambiental decorre desde a segunda quinzena deste mês no município do Kilamba Kiaxi, em Luanda, sob égide da Associação de Mulheres Ambientalistas (AMA), em parceria com a ong angolana Acção para o Desenvolvimento Rural e Ambiente (ADRA).

  • 03/10/2018 14:16:50

    Calemas na costa de Luanda vão prolongar-se até final deste mês

    Luanda - As calemas que agitam a orla marítima de Luanda há cerca de oito dias vão prolongar-se até o final do corrente mês com marés alta e baixa, segundo fontes do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros (SNPCB).

  • 01/10/2018 14:18:13

    Alerta de calemas na costa marítima de Luanda

    Luanda - O comando de Luanda do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros alerta para o perigo nas praias devido as fortes ondas (calemas) que afectam a costa marítima da província desde sexta-feira.

  • 14/09/2018 15:01:43

    Ong lança projecto de sensibilização comunitária no Rangel

    Luanda - Um projecto de sensibilização e de limpeza comunitária foi lançado no distrito do Rangel, município de Luanda, pela organização não governamental Acção Humanitária Angola Unida, (ACHAU) em parceria com a Fundação Obra Bella, com objectivo de manter a circunscrição mais limpa.