Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ambiente

17 Fevereiro de 2017 | 14h35 - Actualizado em 17 Fevereiro de 2017 | 14h35

Ambientalista defende disciplina no uso das praias

Luanda - O ambientalista Manuel Alfredo advogou hoje (sexta-feira), em Luanda, a necessidade de sensibilização da população sobre a importância do uso disciplinado das praias, de modo a manter as mesmas limpas para preservação da saúde dos seus utentes.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ambientalista defende disciplina no uso das praias

Foto: Divulgação

Em declarações à Angop, Manuel Alfredo sublinhou que nesta época do ano as praias estão sempre cheias e a quantidade de lixo também aumenta, porquanto é pertinente que as pessoas tenham consciência da preservação da área.

"Nesta altura do ano as pessoas escolhem as praias para diversão e aproveitar o clima de sol e deparamo-nos com os locais infestados de lixo que os visitantes deixam", salientou.

De acordo com o ambientalista, é necessário que as pessoas tenham consciência de que o lixo lançado na areia e no mar contribui para a poluição e degradação ambiental.

O ambientalista destacou as consequências da presença de lixo em ambientes marinhos como prejuízos à navegação, às actividades pesqueiras, danos aos seres vivos de um ecossistema, degradação da beleza do local e proliferação de doenças.

Manuel Alfredo defendeu a criação de uma política de punição para quem sujar a praia, de modo a incutir aos cidadãos responsabilidade no seu  uso.

"Precisamos nos consciencializar e evitar a poluição. As pessoas devem ter a cultura de levar sacolas de lixo e tudo que consumirem para descartar em locais apropriado", frisou.

Apelou à realização de campanhas de sensibilização sobre a necessidade de manter as praias limpas com a distribuição de sacos de lixos às vendedoras ambulantes e aos estabelecimentos comerciais, assim como panfletos informativos.

Assuntos Ambiente   Praias   Turismo  

Leia também