Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ambiente

11 Abril de 2018 | 14h56 - Actualizado em 11 Abril de 2018 | 14h56

Cabinda: Parque Nacional do Maiombe necessita de fiscais

Cabinda - O Parque Nacional do Maiombe, em Cabinda, necessita de pelo menos 30 fiscais para a cobertura dos seus 193 hectares, afirmou hoje (quarta-feira), nesta cidade, o director provincial do Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF), António Paulo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Floresta do Maiombe

Foto: Rosário Santos

Em declarações à Angop, o responsável referiu que dos nove fiscais efectivos e 15 honorários à disposição do parque, só restam seis por razões diversas, o que agudiza a situação.

António Paulo acrescentou que o Parque Nacional do Maiombe debate-se também com falta de meios de transporte para garantir a mobilidade dos fiscais. 

A agricultura itinerante, garimpo de madeira e caça furtiva são as actividades humana com impacto negativo na floresta.

O Parque Nacional de  Maiombe foi criado mediante Decreto Presidencial número 38/11, com o objectivo de proteger, conservar e garantir a gestão sustentável dos ecossistemas da Floresta do Maiombe e o desenvolvimento sócio-económico das comunidades.

A floresta do Maiombe comporta uma diversidade de fauna e flora com árvores frondosas que podem atingir 50 metros de altura, incluindo espécies preciosas de madeira e de animais em risco de extinção.

Faz fronteira com o Congo Brazzaville e com a República democrática do Congo (RDC), constituindo parte integrante da Área Transfronteiriço do Maiombe.

Leia também
  • 26/01/2019 13:35:14

    Caça furtiva ameaça extinguir espécies animais

    Mbanza Kongo - Algumas espécies animais em regime de protecção, com destaque para elefantes e pacaças encontram-se em vias de extinção na província do Zaire, devido à caça furtiva, informou sexta-feira, em Mbanza Kongo, o chefe do departamento do Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF), João Domingos.

  • 26/09/2018 12:44:55

    Proteção da floresta do Maiombe reúne peritos em Luanda

    Luanda - As metodologias de sustentabilidade a serem aplicadas por Angola, Gabão, RD Congo e Congo Brazzaville para a protecção da Floresta do Maiombe foram analisadas hoje (quarta-feira), em Luanda, por peritos destes quatros países.

  • 11/09/2018 12:21:38

    Governo avalia caça furtiva no parque do Maiombe

    Luanda - Um diagnóstico sobre a caça furtiva no Parque Nacional do Maiombe, em Cabinda, está a ser elaborado pelo Ministério do Ambiente, no âmbito da Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção (CITES).

  • 21/08/2018 12:29:13

    Angola participa no congresso africano de fiscais ambientais

    Luanda - Uma delegação de sete fiscais ambientais angolanos vai representar o país no Congresso Africano dos Fiscais, a decorrer de 20 a 25 deste mês em Joanesburgo, na África do Sul.