Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ambiente

14 Fevereiro de 2020 | 22h34 - Actualizado em 14 Fevereiro de 2020 | 23h02

Recomendado reforço da capacidade de fiscalização florestal

Huambo - O reforço da capacidade operativa da fiscalização florestal e faunística, com a aquisição de equipamentos de ponta e melhoria das infra-estruturas de apoio, figura entre as principais recomendações do I Conselho Técnico do Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

No comunicado final do evento, encerrado esta sexta-feira, os participantes defendem a aquisição de meios de transporte e equipamentos que permitem a rápida comunicação dos fiscais, para elevar os níveis de vigilância da fauna e da flora angolana.

A necessidade da abertura de um concurso público extraordinário para o ingresso do pessoal, tendo em conta o reforço da fiscalização da fauna e da flora, bem como a aprovação da Proposta de Criação da Carreira Específica desses especialistas e o respectivo Estatuto Remuneratório, constam igualmente entre as recomendações do encontro aberto quarta-feira (12).

Os participantes defenderam igualmente a construção dos entrepostos florestais, apetrechamento e abertura do concurso público para os entrepostos de Cabinda e do Moxico, assim como a conclusão da segunda e terceira grelha de pontos do Inventário Florestal Nacional.

Solicitaram ao Titular do Poder Executivo a necessidade da autorização sobre o levantamento da suspensão da época venatório, que perdura há 15 anos, com a Aprovação do Regulamento de Caça.

Os participantes ao evento, orientado pelo secretário de Estado para os Recursos Florestas, André de Jesus Moda, consideram indispensável a plantação de florestas energéticas e comunitárias, com espécies de crescimento rápido para fins de produção de carvão nas comunidades rurais e, ao mesmo tempo, simplificar os procedimentos para exploração de carvão vegetal.

Ao intervir no encerramento, André de Jesus Moda, disse que o sector tem um grande desafio por ser uma instituição visível de cruzamento de interesses altos e baixos, constituindo-se num centro de grandes conflitos, tendo em conta as inúmeras funções das florestas.

O evento, que decorre sob o lema “Gestão participativa e sustentável da flora e uma fauna selvagem - pressuposto básico de valorização dos recursos florestais”, congregou especialistas da instituição e gestores das empresas de exploração de madeira.

Leia também
  • 14/02/2020 22:51:24

    IDF projecta plantação de um milhão de árvores em todo país

    Huambo - Um milhão de plantas diversas deverão ser plantados, este ano, em todo país, pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF), no quadro do programa nacional de repovoamento florestal e combate à desertificação.

  • 14/02/2020 17:36:55

    INAMET volta a prever chuva forte nas próximas 24h00

    Luanda - O Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INAMET) antevê, até às 18h00 deste sábado (dia 15), para a região Norte do país, a ocorrência de chuva forte em alguns municípios das províncias de Malanje, Cuanza Norte, Cuanza Sul, Lunda Sul e da Lunda Norte.

  • 14/02/2020 07:38:33

    Estado do mar

    Luanda - O Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INAMET) prevê, até às 18h00 desta sexta-feira (14), para as quatro regiões litorais de Angola, as seguintes condições climatéricas para a navegação marítima: