Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ciência e Tecnologia

03 Outubro de 2017 | 19h18 - Actualizado em 03 Outubro de 2017 | 19h18

Ministra do Ensino Superior prioriza capacitação de técnicos

Luanda - A ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, Maria do Rosário Bragança Sambo, apontou como priordade da sua gestão a capacitação dos recursos humanos para melhor cumprimento das tarefas do sector.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ministra Rosário Bragança Sambo (dir) e Maria Cândida Teixeira, ministra cessante da Ciência e Tecnologia

Foto: ANTONIO ESCRIVAO

Em declarações hoje (terça-feira), em Luanda, à imprensa à margem da cerimónia de passagem de pastas, Maria Sambo fez saber que, a nível do ensino superior deverão ser introduzidas modificações, com vista à melhoria da qualidade do ensino, bem como à criação condições para que a ciência, tecnologia e inovação contribuam para o desenvolvimento sócio económico e cultural do país.

A governante considerou grande o desafio pelo facto de se ter feito uma fusão de dois sectores e, por outro lado, disse ser privilégio poder contar com uma vasta equipa de funcionários para juntos construírem o novo edifício ministerial.

"O desafio maior é termos uma avaliação positiva dos angolanos no final das nossas funções, pois é para isso que estamos aqui", acrescentou.

Antes de ser ministra, Maria do Rosário Bragança Sambo foi decana da Faculdade de Medicina da Universidade Katyavala Bwila, em Benguela (2011/15), onde é também professora titular e responsável pela coordenação de dois projectos da faculdade de medicina.

Desde Agosto de 2015 ocupa o cargo de reitora da Universidade Agostinho Neto (UAN).

A professora Maria do Rosário Bragança Sambo é licenciada, desde 1983, em Medicina pela Faculdade de Medicina da UAN, especialista em Neurologia pelo Serviço de Neurologia do Hospital de Egas Moniz (Lisboa – Portugal) e da Ordem dos Médicos de Portugal.

É doutorada em Medicina, ramo de Genética, com a defesa da tese sobre "Susceptibilidade genética à malária cerebral em crianças angolanas", no Instituto Gulbenkian de Ciência (Oeiras, Portugal) e na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa.

É autora e co-autora de várias publicações científicas em revistas indexadas, bem como do livro Um olhar sobre as doenças médicas na gravidez – Casos Clínicos (Benguela, Outubro 2013). Publicou ainda E Assim Vivi Benguela - Fragmentos de uma vida  (memórias), pela Mayamba Editora, Luanda, 2017, 90 páginas.

Leia também