Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ciência e Tecnologia

13 Setembro de 2018 | 19h51 - Actualizado em 13 Setembro de 2018 | 19h39

Ministra apela empresários à criação de infra-estruturas tecnológicas

Luanda - A ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, Maria do Rosário Sambo, apelou hoje, em Luanda, aos empresários a criarem infra-estruturas estratégicas para o lançamento de projectos e programas inovadores com a finalidade de inserção de tecnologias transversais-chave no país

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, Maria do Rosário Sambo

A governante fez este apelo quando discursava na abertura do Workshop sobre “A ciência, tecnologia e inovação e a agenda empresarial”, que visa definir projectos prioritários entre as IES, EeD e as empresas com objectivo de impulsionar a ciência, tecnologia e inovação, com base nas potencialidades económicas.

De acordo com a governante, a incidência da agenda empresarial e de inovação tem como foco as áreas da agricultura e florestas, pesca e mar, saúda, ambiente, energia e águas, indústria e Tecnologia de informação e comunicação.

“Neste encontro pretendemos alertar para a necessidade de um maior investimento do sector privado no desenvolvimento tecnológico e inovação, propiciando o diálogo entre o Executivo, a academia e o sector empresarial em prol do futuro de Angola, visando a concretização do Plano de Desenvolvimento Nacional (PND 2018-2022).

Para Maria do Rosário Sambo, não haverá futuro para a indústria angolana fora da inovação, porquanto a quarta revolução industrial, que está em curso no mundo, ameaça a frágil competitividade da economia angolana. E, nesse contexto, a iniciativa privada tem um papel primordial de liderar o processo, criando as condições necessárias para que a inovação esteja acessível a todas as empresas.

O repto lançado para se atingir os objectivos preconizados prende-se com a formação de quadros, a disponibilidades destes no mercado de trabalho e da realização de actividade de investigação científica em áreas ou estruturas que se ocupem e se especializem em matérias de transferência de tecnologias no apoio à inovação.

Para este desiderato, disse ser importante que se reforce a ligação entre as IES, a sociedade e o empresariado, em particular para que se abra uma auto-estrada de capacitação de ideias, geração de conhecimento de start-ups e spin-offs.

Assuntos Ciências   Tecnologias  

Leia também
  • 30/11/2018 13:20:26

    Sétima Feira de Segurança Electrónica acontece em Dezembro

    Luanda - A delegação de Luanda do Ministério do Interior (MININT) realiza, nos dias um e dois de Dezembro, no distrito do Nova Vida, município do Kilamba-Kiaxi, em Luanda, a sétima edição da Feira de Segurança Electrónica.

  • 21/11/2018 13:51:19

    Feira de invenções de Nuremberga aberta a produtos industrializados

    Luanda - A Feira de Ideias, Invenções e Novos Produtos (iENA), anualmente realizada em Nuremberga (Alemanha), pode a partir da edição 2019 contar com produtos industrializados angolanos, em função da inclusão este ano da categoria "Indústria", que premeia produtos de grandes empresas.

  • 19/11/2018 20:01:15

    Estudante lança aplicativo para resgate de valores culturais e linguísticos

    Lubango - Um aplicativo informático denominado “Resgate de Valores Culturais e Linguísticos”, criado pelo estudante Rafael Calitoco, afecto ao Instituto Superior Politécnico Independente (ISPI), será lançado oficialmente na segunda quinzena de Fevereiro de 2019, com objectivo da valorização das línguas nacionais angolanas.

  • 16/11/2018 18:10:06

    Nova Sotecma apresenta carro eléctrico na Expo Indústria e Projekta

    Luanda - Um carro eléctrico para diminuir a poluição do meio ambiente, está a ser apresentado no terceiro salão da Feira da Indústria Angolana - Expo Indústria e Projekta, pela empresa Nova Sotecma.