Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Ciência e Tecnologia

09 Novembro de 2019 | 15h53 - Actualizado em 11 Novembro de 2019 | 11h18

Abel Abraão quer mais jovens na Mediateca

Cuito - O jornalista reformado da Emissora Provincial da Rádio Nacional de Angola (RNA), Abel Abraão, patrono da Mediateca do Bié, inaugurada neste sábado, na cidade do Cuito, pediu ao Governo e outros segmentos a darem mais oportunidade aos jovens na ocupação dos postos de trabalho na instituição e outros sectores da vida.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ministro das Telecomunicações e Tecnologia de Informação, José Carvalho da Rocha (à dir) ladeado pelo jornalista Abel Abraão.

Foto: Leonardo Castro

Abel Abraão teceu estas declarações à Angop, após uma homenagem a si feita, pelo ministro das Telecomunicações e Tecnologia de Informação, José Carvalho da Rocha, durante o acto de inauguração da infra-estrutura.

Na sua óptica, é necessário a contínua aposta na juventude para estimular a franja a trabalhar para o rápido desenvolvimento da vida socioeconómica da província, defendendo porém, a inserção da juventude local na ocupação dos postos de trabalho na Mediateca.    

O jornalista iniciou a sua carreira, em 1980, tendo-se notabilizado como repórter de guerra com a cobertura jornalística, no Cuito, dos momentos mais difíceis do conflito armado pós-eleitoral de1992.

A Mediateca ”Abel Abraão” do Bié, na cidade do Cuito, com capacidade para 180 pessoas, tem um auditório com 122 lugares, sistema WiFi Gratuito, 14 TVs Corporativas, cafetaria com 24 lugares, espaço de leitura com 164 lugares, 86 computadores do tipo Desktop, 25 dispositivos para eBook (iPads) quatro dispositivos de Video-jogos. Tem uma área de cultura também para 300 pessoas.

À instituição foi atribuído o nome de  ”Abel Abraão” em homenagem ao jornalista aposentado da RNA, pela sua notabilização na cobertura da guerra pós-eleitoral de 1992.

A construção da Mediateca visou, entre outros, fornecer um instrumento que contribua para o desenvolvimento territorial (económico e social), que promova uma melhoria nas possibilidades de acesso e geração de conhecimento e um complemento do potencial do capital humano angolano, envolvendo para isso a totalidade de agentes do país.

Assuntos Província » Bié   Sociedade  

Leia também
  • 09/11/2019 18:08:27

    Mediatecas do país registam mais de novecentos mil usuários

    Cuito - Novecentos mil 765 cidadãos já visitaram, desde 2017 até a presente data, as mediatecas em pleno funcionamento nas províncias de Luanda, Benguela, Zaire, Lunda Sul, Cunene, Huíla e Huambo.

  • 09/11/2019 13:22:40

    Mediateca "Abel Abraão" já em funcionamento no Cuito

    Cuito - A Mediateca "Abel Abraão" do Bié, localizada na cidade do Cuito, entrou hoje, sábado, em funcionamento, pouco depois da sua inauguração em acto presidido pelo ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha.

  • 01/06/2019 09:41:58

    Huambo: crianças desfavorecidas concluem curso de informática

    Huambo - Oitenta crianças desfavorecidas de diversos lares de acolhimento da cidade do Huambo, encerraram, nesta sexta-feira, um curso básico de informatica na óptica do utilizador, promovido pela Mediateca local.