Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

05 Maio de 2003 | 18h00

-

Luanda

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda, 05/05 - O técnico do Sporting de Cabinda, Carlos Alves, foi domingo destituído das suas funções, devido aos maus resultados da equipa no campeonato nacional da I divisão, Girabola 2003, desde que assumiu o comando.

A decisão da direcção leonina foi tomada logo após o desaire caseiro de 1-2 frente ao Petro do Huambo, naquela que foi a segundaderrota em casa sob sua liderança.

No presente campeonato, a equipa não tem sabido aproveitar o factor casa, daí até ao momento ter somente ganho um jogo contra duas derrotas e três empates, o que perfaz um total de oito pontos perdidos.

Com uma partida por disputar com o ASA, a contar para a nona jornada, o Sporting ocupa o 12º lugar com seis pontos, e em nove encontros disputados apenas marcou quatro golos e sofreu sete.

Carlos Alves tornou-se no quinto treinador a ser chicoteadona presente edição do Girabola, depois de João Machado(Académica do Lobito, Daniel Ndunguidi (Desportivo da Huíla), Jaime Chimalanga(1/0 de Agosto)e Napoleão Brandão(Progresso do Sambizanga).

Em 2002, recorde-se, Carlos Alves havia sido afastado do Sagrada Esperança da Lunda-Norte pelos mesmos motivos.