Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

07 Abril de 2004 | 12h54

Futebol: Melanchton demite-se do comando técnico do 1º de Maio

Benguela

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Benguela, 07/04 - O treinador João Melanchton demitiu-se hojedo comando técnico do 1º de Maio de Benguela, na sequência dos maus resultados no Campeonato Nacional de futebol da 1ª divisão (Girabola 2004), o últimodos quais frente ao FC Bravos do Maquis (1-2), na sétima ronda.

A confirmação da demissão do técnico "proletário" foi feita hoje pelovice-presidente do clube, Rui de Araújo.

"Já não havia condições para que o técnico permanecesse, depois dos últimos resultados no campeonato", explicou o dirigente, acrescentando que se trata de uma "rescisão amigável".

Momentos antes do início do treino de terça-feira, um grupo de adeptos, atletas e dirigentes insurgiram-se contra a permanência de João Melanchton, numa clara demonstração de insatisfação.

Para o seu lugar, foi indicado Fusso Nkossi, até então treinadoradjunto. Antigo jogador do 1º de Maio de Benguela, o novo técnico prometeu dar o melhor de si para o alcance das metas preconizadas.

Com três pontos somados, fruto de 3 empates e quatro derrotas, o 1º de Maio de Benguela é o "lanterna vermelha" do Girabola 2004, lideradopelo Sagrada Esperança da Lunda Norte e 1º de Agosto (13 pontos).

Recorde-se que a equipa "encarnada" de Benguela é a única formação do interior do país a ganhar o Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão. O 1º de Maio sagrou-se vencedor do Girabola em 1983, sob orientação de Petar Kzenevic, e em 1985, com Rui Rodrigues no comando técnico.