Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

26 Abril de 2004 | 16h23

Futebol: Técnico Daniel Ndunguidi regressa ao 1º de Agosto

Luanda

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda, 26/04 - O ex-internacional angolano Daniel Ndunguidi regressa a equipa de Futebol do 1º de Agosto como técnico principal até ao final da temporada de 2004, informou hoje o próprio.

Em declarações à Angop, o treinador, que hoje será apresentado aos atletas, disse que vai "conduzir o tanque militar" até ao final da época numa primeira fase, antevendo novas conversações com a direcção do clube.

Quanto aos objectivos preconizados pelos "rubro-negros", afirmou querecuperar os pontos perdidos é a prioridade.

"Vamos tentar equilibrar a classificação e pela diferença pontual que temos em relação aos líderes ainda podemos alcança-los", salientou.

Sobre a actual situação que vive o plantel, afirmou que é normal clubes "grandes" como o 1º de Agosto estarem em crise de resultados, realçando que no futebol há altos e baixos.

"Falamos sobre as competições africanas e o título nacional, mas ainda não está nada acertado sobre isso, só as próximos encontros poderão decidir alguma coisa", acrescentou.

Segundo uma fonte junto da direcção do clube, o treinador exigiualgumas mudanças no Departamento de Futebol e indicará os seus adjuntos.

Acrescenta que a luta pelo título ou a conquista de uma vaga para as competições africanas foi a exigência da direcção.

Daniel Ndunguidi, que começa a orientar o actual 6º classificado do Girabolaa partir de terça-feira, adiantou que tem programado um trabalho derecuperação psicológica, de maneira que os últimos resultados no Girabolanão tenham influência daqui para frente (derrotas diante do Benfica do Lubango, 1-2, e Sonangol do Namibe, 1-3).

Instado sobre os sectores que pretende reforçar, disse que brevementedará a conhecer à direcção da agremiação, acrescentando que tem acompanhado os jogos do campeonato nacional e que tem em vista já alguns valores aguardando apenas pelo período de inscrição de novos jogadores na Federação Angolana de Futebol (FAF).

Deste modo, o técnico deixa a equipa júnior e ocupa uma "cadeira" que conhece bem. Para além de ter estado lá como jogador, foi campeão como treinador adjunto de Mário Calado (1996) e como principal em 1998 e 1999.

Como treinador já orientou as formações do Sonangol do Namibe e Desportivo da Huíla, onde não teve êxitos.

O regresso deste antigo internacional angolano, uma das referência do futebol nacional, deveu-se ao afastamento, por maus resultados, do sérvio Dusan Kondic, após derrota caseira de 1-3 com o sonangol do Namibe para a nona rondado girabola 2004.