Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

06 Novembro de 2005 | 04h29

Hóquei em Patins: Banca conquista taça de Angola

Luanda

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda, 05/11 - A equipa sénior masculina de hóquei em patins do Grupo Desportivo da Banca conquistou, sábado a noite, a taça de Angola, ao derrotar na final o Juventude de Viana por 1-0, aos penalties, quando durante o tempo regulamentar as duas formações estavam empatadas a três bolas.

Depois de afastada a possibilidade de disputa do trofeu na cidade portuária do Lobito (Benguela), vianenses e bancários voltaram a medir forças, desta para a segunda maior prova do calendário hoquístico nacional.

O favoritismo atribuído aos vianenses antes da partida foi contrariado pela equipa da banca que protagonizou uma boa réplica no decorrer da primeira parte, permitindo ir para o intervalo com uma vantagem de 1-0.

Na etapa complementar, os bancários procuraram conduzir o seu jogo com mais precaução, em virtude da equipa de Viana tem um leque de jogadores mais experientes.

Fruto desta precaução e maior empenho no jogo, a banca voltou amarcar e ampliou o resultado para 2-0.

O Juventude de Viana, num apice, fez dois golos, empatando a partida 2-2.

A Banca voltou a marcar 3-2 e dois minutos depois o Juventude fez 3-3, resultado com que terminou a partida e o consequente prolongamento de 10 minutos.

Já na marcaçao de grandes penalidades, a banca conseguiu converter uma vez, enquanto o Juventude das cinco oportunidades quebeneficiou não converteu nenhuma.

Iniciada a 21 de Outubro último, a Taça de Angola foi disputada na primeira fase pelo Petro de Luanda, União da Catumbela, Sporting do Bié, Juventude de Viana e Banca.

Para chegar a final, o Juventude de Viana afastou na disputa a melhor de duas partidas, o Petro de Luanda, por expressivos 6-1 e 5-2, ao passo que o Desportivo da Banca deixou para trás o Sporting do Bié, com uma vitória de 9-4 e empate 4-4.

Com esta vitória os bancários o retiram o título da taça ao Juventude de Viana.

Resultado

Ao intervalo 1-0 (marcador quiza)

Final do tempo regulamentar 3-3

Na marcação de grandes penalidades 1-0

Equipas:

Juventude de Viana:Lito,Toy Adão (1 golo), Nelo, Kwenha (1 golo), Duke (1 golo), Bachiesa,Lisboa

Treinador:Nelson Amado

Grupo Desportivo da Banca: Buda, Paulo (1 golo), Quiza, Maninho (1 golo), Mavua, Ernesto, Lucamba, Rodrigues (1 golo)

Treinador: José Araújo

Árbitros: Jorge Borges e Nascimento Pedro

Acção Disciplinar: Cartões amarelo para Toy Adão e Maninho, enquanto Paulo Costa e Rodrigues Amorim foram expulsos.