Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

04 Julho de 2007 | 16h11

Futebol: Treinador da Caála promete boa prestação no Zonal de apuramento

Caála

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Caála, 04/07 - O técnico principal da equipa de futebol do Clube Recreativo da Caála (CRC), António Mbuisse, prometeu hoje na Caála (23 quilómetros da cidade do Huambo), que o seu conjunto terá boa prestação no torneio de apuramento ao campeonato nacional de futebol da I divisão (Girabola 2008).

Segundo disse, o seu plantel encontra-se neste momento no máximo da sua força, para que domingo na estreia diante do FC Bravos do Maquis do Moxico, o Recreativo da Caála comece a somar os seus primeiros pontos na competição, por formas a cumprir com o objectivo traçado pela direcção que é ascender à primeira divisão nacional.

António Mbuisse, que dirige a equipa desde o passado mês de Maio, manifestou-se satisfeito com os níveis técnicos, tácticos, físicos e psicológicos reinantes no seu plantel.

“Estamos bem em termos defensivos e conservação de bola, mas acusamos uma certa lacuna na componente de finalização. Porém, estamos a trabalhar arduamente para que até ao arranque da competição estejamos em prontidão por forma a criarmos situações de golo e concretiza-las”, sublinhou.

Dos 27 jogadores disponíveis, destacam-se as inclusões de Paizinho (ex-Inter da Huíla), Amões (ex-Petro do Huambo), Walter e Drogbá (ex-1º de Agosto), Vovó (ex-Desportivo da Chibia da Huíla) e Tchiri (ex-Rodoviário de Luanda), jogadores que actuam preferencialmente nas posições de atacantes e médios ofensivos.

Na série B do torneio zonal de apuramento, em que o conjunto evolui desde 2002 na tentativa de ascender figuram as formações das províncias do Moxico (FC Bravos do Maqui e Leões do Tchifutchi), de Benguela (Académica do Lobito), do Kwanza Sul (Recreativo do Libolo) e o Sport Huambo e Benfica. A competição será no sistema de todos contra todos a duas voltas.