Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

14 Maio de 2010 | 23h17 - Actualizado em 14 Maio de 2010 | 23h26

Libolo "congela" troféu da Taça de Angola

Basquetebol

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1º de Agosto (vermelho) perde diante do Libolo

Foto: Angop

Luanda - Com 27 pontos de Olímpio Cipriano, o Recreativo do Libolo venceu hoje, sexta-feira, o 1º de Agosto por 92-89, em partida da segunda mão da final da Taça de Angola em basquetebol e forçou a disputa de uma finalíssima, depois dos "militares" terem ganho o primeiro encontro.

Ofuscado nos encontros anteriores diante da sua ex-equipa, o extremo Olímpio Cipriano finalmente "brilhou" e foi o principal obreiro na vitória da formação do Kwanza Sul que, pela primeira vez esta temporada, conseguiu derrotar o campeão nacional e detentor da taça.

Além de ter sido o melhor marcador do encontro, o atleta, duas vezes eleito Jogador Mais Valioso do país (MVP), efectuou duas
assistências e ganhou três ressaltos, sendo dois defensivos e um ofensivo.

Ao intervalo do encontro, disputado no pavilhão principal da Cidadela,  o Libolo vencia por 42-39, depois de ter terminado o primeiro quarto com uma vantagem de 11 pontos (24-13).

Na ocasião, apesar do equilíbrio, os pupilos de Raúl Duarte apresentaram-se disciplinados tacticamente, ao contrário do encontro da primeira volta, com rigor defensivo e entre ajuda entre os diferentes sectores.

Foi assim que a formação do Kwanza Sul conseguiu superiorizar-se e manter a vantagem pontual.

Por sua vez, os "militares", que também apresentavam-se melhor na defesa do que no ataque, circulavam bem a bola, geriam o
tempo de lançamento, mas encontravam muitas dificuldades para transpor a defensiva contrária.

Ainda assim, o poste Felizardo Ambrósio, com 10 pontos e cinco ressaltos, conseguia fazer a diferença do lado "rubro-negro", mas
insuficiente para chegar em vantagem ao intervalo.

Na etapa complementar, no terceiro quarto, o libolo manteve a postura inicial e Cipriano abriu as "hostilidades" com oito pontos
seguidos, alargando para 10 pontos a diferença pontual. Seguiu-se um período com muitas paragens devido as inúmeras faltas
cometidas pelas duas formações.

A dois minutos para o final do terceiro quarto,  Felizardo Ambrósio voltou a evidenciar-se marcando quatro pontos, dos quais um em
smashe, e aumentando a confiança da equipa que de seguida beneficiou de um triplo de Mário Correia para reduzir para dois pontos a vantagem do Libolo no final do período (64-62).

No quarto decisivo, o 1º de Agosto, que esteve maior parte do jogo a perder, deu a reviravolta e passou a frente depois de dois minutos (65-64). Seguiu-se um período extremamente equilibrado marcado por alguns empates (68-68, 72-72), mas dois triplos seguidos, sendo um de Cipriano, relançaram o Libolo para a vitória.

Mas quando os adeptos da formação do Kwanza Sul já festejavam, os "militares", com a sua equipa mais experiente em campo
(Lutonda, Carlos Almeida, Kikas, Ricardino), acompanhados do jogador mais produtivo do conjunto Felizardo Ambrósio, recuperaram e a 32 segundos do final perdiam apenas por dois pontos.

No entanto, numa altura em que as duas equipas cometiam muitas faltas, os pupilos de Luís Magalhães mostraram-se ineficazes nos lances livres, ao passo que o adversário aproveitou para manter a "magra" vantagem.

Lutonda e Carlos Almeida forçaram também lançamentos exteriores e não foram bem sucedidos e o Libolo venceu por três pontos de diferença (92-89).

Deste modo, as duas formações reencontram-se domingo, no pavilhão principal da Cidadela, para disputar a finalíssima, uma vez
que se encontram empatados com uma vitória para cada uma.

Com arbitragem de Fernando Pacheco e Domingos Simão, as equipas alinharam da seguinte forma:

Libolo: Domingos Bonifácio (08), Olímpio Cipriano (27), Luís Costa (02), Carlos Morais (18), Gerson Monteiro (00), Adilson Câmara
(00), Leonel Paulo (03), Abdel Gomes (00), Omar Peterkin (04), Reggie Moore (22), Feliciano Camacho (00), Milton Barros (08).Técnico: Raúl Duarte


1º de Agosto: Filipe Abraão (00), Armando Costa (06), Adilson Baza (00), Mário Correia (09), Kikas Gomes (15), Felizardo Ambrósio (16), Vlademir Ricardino (07), Francisco Jordão (15), Adolfo Quimbamba (00), Carlos Almeida (10), Miguel Lutonda (11), Rodrigo Mascarenhas (00). Técnico: Luís Magalhães

Resultados por período: 24-13, 42-39 (intervalo), 64-62, 92-89 (final).

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 05/02/2019 12:21:17

    Resultados e classificação daTaça da Confederação

    Luanda - Resultados e classificação após a primeira jornada da fase de grupos da Taça da Confederação em futebol, com o envolvimento do Petro de Luanda.

  • 03/02/2019 19:24:23

    1º de Agosto campeão da primeira volta à condição

    Luanda - O 1º de Agosto é o campeão da primeira volta do Girabola2018/19, à condição, com 30 pontos, mercê da vitória neste domingo frente ao Kabuscorp do Palanca, por 2-0, em jogo da 15ª jornada e última desta fase inicial da competição.

  • 03/02/2019 10:39:00

    Afrotaças: Petro almeja estreia auspiciosa em Argel

    Luanda - Sem o influente médio Job, por lesão, o Petro de Luanda procura estreia auspiciosa na fase de grupo da Taça da Confederação em futebol, quando defrontar, às 20 horas deste domingo, na Argélia, o Hussein Dey, para o grupo -D.

  • 01/02/2019 16:41:04

    Afrotaças: Petro a caminho da Argélia sem Job

    Luanda - Com a ausência do médio Job confirmada, por lesão nas costas, o Petro de Luanda seguiu na tarde desta sexta-feira para Argélia, onde defronta domingo o Hussein Dey, em jogo da primeira jornada do grupo - D da Taça da Confederação em futebol.