Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

30 Janeiro de 2012 | 18h55 - Actualizado em 30 Janeiro de 2012 | 18h54

Angola e Côte d'Ivoire defrontam-se 14 anos depois

CAN2012

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Malabo  (Dos enviados especiais) – As selecções nacionais de futebol de Angola e da Côte d’Ivoire defrontam-se pela quarta vez no historial, 14 anos depois de se terem enfrentado a 19 de Fevereiro de 1998, por ocasião da realização da fase final do Campeonato Africano das Nações (CAN), no Burkina Faso.

Na altura, os Palancas Negras, com o técnico do português Manuel Gomes "Necas", perderam, por 2-5, com o actual seleccionador Lito Vidigal, ainda como jogador. Na época, as duas equipas inseridas na série C despediram-se da fase de grupos no Burkina Faso.

Além de Lito Vidigal, a baliza dos Palancas Negras era defendida por Marito, integrando Neto, Aurélio, Julião (já falecido), Paulo Silva, Luís Miguel, Sousa, Lázaro, Quinzinho e Miguel Pereira. Os golos de Angola foram apontados por Paulo Silva e Quinzinho.

A primeira vez que se defrontaram foi a 9 de Abril de 1989, na Cidadela, em Luanda, e a vitória coube aos Elefantes (0-2), para as eliminatórias combinadas do CAN e Mundial de 1990.

Armindo, Rasgado, Almeida, Luís Bento (Mavó), Nejó, Quim Sebas, Nelson, Barbosa, Saavedra (Jesus), Zacarias e Vieira Dias foram os jogadores utilizados pelo técnico argentino Ruben Garcia. Na resposta, em Abidjan, a 23 de Abril de 1989, nova derrota dos Palancas Negras (1-4), com tento solitário de Ralph.

Desta vez, no estádio de Malabo (Guiné Equatorial), espera-se por comportamento diferente do conjunto nacional. Com outra geração constituída por Wilson, Marco Airosa, Miguel, Dany, Gilberto, Makanga, Djalma, Flávio, Mateus, Manucho Gonçalves e tantos outros pode reverter a história.

No geral, Angola apontou três tentos, contra 11 do adversário, com saldo negativo de - 8. Este desafio é pontuável para a terceira e última jornada do grupo B do CAN2012, que decorre na Guiné Equatorial e no Gabão até ao dia 12 de Fevereiro.

Na classificação, a Côte d’Ivoire (já apurada) lidera com seis pontos, mais dois que Angola, em segundo. Sudão tem um e Burkina Faso, último sem pontuar.