Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

11 Fevereiro de 2012 | 00h18 - Actualizado em 11 Fevereiro de 2012 | 00h37

Petro de Luanda conquista Taça de Angola em feminino

Andebol

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda - A equipa sénior feminina de andebol do Petro de Luanda, conquistou na noite de sexta-feira, na capital, a Taça de Angola ao derrotar na final o 1º de Agosto campeã em título por 35-28, marcando o encerramento da temporada 2011.

A última vez que as duas formações jogaram foi para o Campeonato Nacional e a vitória sorriu para as "militares", que fizeram o inédito, conquistar o título nacional.

Bom início de jogo para a formação "tricolor" que, das vezes que jogou para o ataque, marcou e também mostrou estar melhor fisicamente.

As duas formações tem o núcleo duro que compõem a selecção nacional e todas elas conhecem a forma de jogar, quer na vertente ofensiva e como na defensiva.

Quer Ana Barros e Magda Cazanga deixaram bons sinais ao longo do desafio, ao aproveitarem jogar de maneira simples e eficaz, sempre que o treinador Vivaldo Eduardo as colocou em campo.

Natália, a mais nova das manas Kiala, levantou o pavilhão com jogadas espectaculares que culminavam em golos.

O Público, que hoje quase lotou o pavilhão principal da Cidadela também participou da festa, dada a curiosidade em ver de pertos as estrelas que nós últimos dois meses foram vistas a brilhar apenas na televisão, quer no Campeonato do Mundo (Brasil) e como na taça africana de Marrocos, onde foram buscar o 11º título continental.

Carolina Morais que iniciou a partida no banco entrou deu o seu contributo ao marcar dois golos que ainda assim insuficientes para virar 9-11.

Pela primeira vez o placar registou um empate 12-12 o 1º de Agosto acreditou a foi buscar a desvantagem que trazia desde os minutos iniciais.

Ao intervalo já a turma do Catetão vencia o jogo por 16-14.

Na segunda parte, o Petro desenhou a sua forma de jogar e a sua experiência mostrada pelo clã Kiala, liderados por Marcelina, que marcou quase metade dos golos, treze no total.

Pela formação do Rio Seco Azenaide Carlos, Carolina Morais e Rossana Kitongo destacaram-se, apesar da derrota mais em alguns momentos assumiram as responsabilidades do desafio que encerra assim a temporada finda.

O Petro de Luanda acabou por conquistar a Taça com m triunfo de 35-28 salvando, assim a temporada desportiva ao levar para casa o segundo troféu mais importante do andebol nacional.

O Público, que hoje quase lotou o pavilhão principal da Cidadela, também participou da festa dada a curiosidade em ver de pertos as estrelas que nós últimos dois meses foram vistas a brilhar apenas na televisão quer no Campeonato do Mundo (Brasil) e no Africano de Marrocos, onde conquistaram o 11º título continental.

Esta noite, mais uma vez, o treinador da equipa do 1º de Agosto o português, Paulo Pereira, mostrou ser um mau perdedor, ao não saudar o adversário no final da partida, levando a equipa para o balneário, sem que esta estivesse disponível para os jornalistas.