Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

07 Novembro de 2013 | 19h20 - Actualizado em 07 Novembro de 2013 | 19h20

Campo do Independente do Tômbwa será reinaugurado a 20 deste mês

Namibe - O campo do Independente do Tombwa, 93 quilómetros a Sul da cidade do Namibe, será reinaugurado dia 20 do mês em curso pelo governador provincial, Rui Falcão.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações hoje quinta-feira à Angop, o presidente do Independente Sport Clube do Tombwa, Henriques Ginga Juniores, fez saber que as obras da reabilitação do campo com a capacidade de três mil lugares estão a cargo da empreiteira Prebuld,com um orçamento de 240 mil dólares norte-americanos.

O responsável frisou que os valores em referência, provenientes do Ministério da Juventude e Desportos, apenas foram aplicados na reabilitação do campo e balneários, ao passo que a reabilitação total de infra-estruturas administrativas e de apoio vai acontecer no segundo semestre de 2014.

O presidente do clube disse ainda que as infra-estruturas servirão para a massificação do desporto no seio da juventude, sobretudo os torneios de gira-bairro e eventos religiosos e festas.

O Independente Sport Club foi fundado a 8 de Dezembro de 1928, pela então associação dos pescadores, tendo conquistado o título de campeão distrital em 1967.

Foi campeão de Angola em 1968, 1969, 1970 e 1971. Foi a primeira equipa nacional a vencer a taça monumental Cuca, tendo participado em diversas edições da taça de Portugal onde defrontou equipas como Andorinhas de São Tomé, Tircense Futebol Clube, União de Coimbra, Sport Lisboa Benfica, Varzim Futebol Clube, entre outros.

Em 1996 foi o terceiro classificado e finalista na taça de Angola e representou o país na taça das taças. Em 1997 foi finalista na taça de Angola e venceu a Supertaça.

Em 1997, a assembleia-geral foi presidida por Maria de Fátima Jardim, enquanto a direcção eraassumida por Fernando de Menso e Brito, a partir de 1999 na assembleia-geral manteve-se Maria de Fátima Jardim, e a direcção passou para Fernando Gomes Solinho. Depois de 2004, assembleia-geral foi assumida por Fernando Condo.

Entre os técnicos que passaram pelo clube estão Barros, Chino Dinis, António Lopes (Chibí), Tramagal, João Melaschton, Rui Teixeira e Lourenço.
 

Assuntos Futebol  

Leia também