Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

13 Outubro de 2015 | 20h46 - Actualizado em 14 Outubro de 2015 | 11h03

Petro de Luanda e Grasseli põem fim à relação

Luanda - A direcção do Petro de Luanda e o técnico brasileiro Alexandre Grasseli decidem pela não renovação do vínculo que os liga até Dezembro próximo, indica o site oficial do clube.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Alexandre Grasseli

Foto: Pedro Parente

Ao serviço do Petro de Luanda desde de 2013, quando substituiu o português José Diniz, o brasileiro tem vínculo com os tricolores até Dezembro próximo e tinha ainda uma época de opção.

Na sua primeira época, em 2014, à frente da agremiação líder do ranking do futebol nacional Grasseli foi quinto no Girabola e finalista da Taça de Angola. Na época corrente (2015), ocupou a nona posição com 38 pontos e foi afastado da Taça de Angola nas meias-finais pelo Bravos do Maquis (0-1).

O Petro de Luanda é o clube mais titulado do Girabola (15) e da Taça de Angola (10).

Ao serviço do Petro de Luanda já estiveram os brasileiros António Clemente, Djalma Cavalcante, Artur Bernardes, José Roberto Avilá, Jorge Ferreira e Pavão.

Assuntos Futebol  

Leia também