Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

15 Maio de 2016 | 00h24 - Actualizado em 15 Maio de 2016 | 00h24

Basquetebol: Libolo vence Interclube na primeira partida dos play off

Luanda - O Recreativo do Libolo venceu sábado o Interclube de Luanda no pavilhão do Dream Space, por 113-95, e lidera a série das meias finas dos play off do campeonato nacional sénior masculino de basquetebol.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

No primeiro quarto, as duas equipas entraram equilibradas com os visitantes a tentar contrariar o máximo possível o favoritismo dos donos da casa, mas foram os pupilos de Norberto Alves que levaram a melhor em função do rigor defensivo imposto no decorrer da partida, terminando por um parcial de seis pontos (27-21).

No segundo período, a equipa de calulo continuou a desempenhar o seu papel no sector defensivo criando, assim, inúmeras dificuldades ao conjunto do “22 de Junho”, levando a melhor no intervalo por 54-41.

No terceiro tempo, os “polícias” entraram mais ousados nas suas acções ofensivas com Quintrell Thomas, Romening Samba, e Paulo Barros a destacaram-se nos aspectos tácticos, mas foram os “libolenses” que nos momentos cúrcias conseguiram ser os mais eficazes ganhando por 85-63.

No reatamento, a equipa do Inter  esteve mais apática e o Libolo assenhorou-se novamente da partida, tendo criado uma vantagem confortável.

No último quarto, a agremiação do Cuanza Sul continuou a aumentar a vantagem no resultado, jogando por cima dos erros dos comandados de Alberto Babo, que cometiam muitos erros. A turma de Calulo abriu uma diferença de 18 pontos no final da partida 113-95.

Na partida, Roderick Nealy, com 27 pontos, e Carlos Morais, com 22 pontos, foram os melhores cestinhas para o Recreativo do Libolo.

Para o Interclube foram os melhores cestinhas Quintrell Thomas, com 16, e Paulo Barros com 13 pontos.

Com arbitragem de Clesio Francisco, Rubem Dugula, e Miguel Sango, as equipas marcaram da seguinte forma:

Recreativo do Libolo: Olimpio Cipriano (12), Jonathan Wallece (11), Carlos Morais (12), Roberto Fortes (03), Valdimir Pontos (00), Braulio Morais (00), Roderick Nealy (27), Valdelicio Joaquim (07), Zola Paulo (05), Eduardo Mingas (15), Benvindo Kimbamba (00) Milton Barros (11).

Técnico: Norberto Alves

Interclube: Gerson Domingos (08), Francisco Horacio (02), Romenig Samba (13), Paulo Barros(13), Miguel Kiala (07), Abdel Gomes (07), Egidio Ventura (06), Andre Miguel (10), Quintrell Thomas(16), Fidel Cabita(03), Tommy Eddie (07) Adilson Ramos (03).

Técnico: Alberto Babo

Assuntos Basquetebol  

Leia também
  • 07/02/2019 13:26:47

    Campeão angolano inicia luta pelo 9º título continental

    Luanda - O 1º de Agosto, campeão nacional em título, defronta na noite de sexta-feira (às 20:30, menos uma hora em Angola), na cidade do Cairo, o Al Ahly do Egipto na primeira jornada do grupo C da Liga Africana dos Clubes Campeões em Basquetebol "AfroLiga", competição na qual persegue o nono troféu.

  • 06/02/2019 02:36:25

    ASA vence Vila em acerto de calendário

    Luanda - O Atlético Sport Aviação (ASA) venceu, nesta terça-feira, na capital do país, o Vila Clotilde, por 83-61, em partida de acerto da sexta jornada da 3ª volta do campeonato nacional de basquetebol sénior masculino, disputada no pavilhão Multiusos do Kilamba.

  • 05/02/2019 15:31:19

    Basquetebol: Jone Pedro deixa 1º de Agosto

    Luanda - O extremo/poste do 1º de Agosto Jone Pedro está de saída do clube, com o qual não chegou a acordo para renovação, informa a agremiação.

  • 03/02/2019 00:49:03

    Basquetebol: Angolano Sílvio Sousa suspenso da NCAA por dois anos

    Luanda - O basquetebolista angolano Silvio Souza, a jogar na Universidade de Kansas (Estados Unidos), foi suspenso por dois anos, da Associação dos Desportos Universitários (NCAA), por violação dos regulamentos, apurou hoje a Angop.