Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

06 Junho de 2016 | 14h41 - Actualizado em 06 Junho de 2016 | 14h41

Futebol: Casa Militar vence provincial no Cuando Cubango

Menongue - O FC Casa Militar sagrou-se vencedor antecipado do campeonato provincial de futebol no Cuando Cubango com 24 pontos, ao derrotar os Leões, por 1-0, domingo na cidade de Menongue.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cuando Cubango: Jogadores da Casa Militar festejam a vitória

Foto: Armando Morais

Com término previsto para o próximo final de semana, a prova é disputada por cinco equipas no sistema de todos contra todos a duas voltas e o campeão somou vitórias em todos os oito jogos realizados. Marcou  36 golos e sofreu apenas um.

Sábado (dia 11) jogam para fechar a competição Dragões do Cuando Cubango e Inter.

A Casa Militar representará a província no nacional da segunda divisão e na Taça de Angola.

Leia também
  • 06/06/2016 14:25:33

    Constante troca de jogadores é motivo do fracasso da selecção

    Luanda - O vice-presidente do Kabuscorp do Palanca, Mingo Jacinto, considerou hoje, em Luanda, estar na base do fracasso da selecção nacional de futebol as mudanças constantes de jogadores e disposições tácticas incomuns.

  • 06/06/2016 13:11:13

    Derrota dos "Palancas" marca noticiário desportivo

    Luanda - A derrota da selecção nacional de futebol frente a RCA, por 1-3, em partida da quinta jornada do grupo B de apuramento ao CAN2017 constitui o principal destaque da semana finda.

  • 06/06/2016 11:28:08

    FAF admite resultado negativo e defende trabalho de continuidade

    Bangui (Do enviado especial) - Apesar dos resultados do ponto de vista desportivos tardarem a chegar, o presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), Pedro Neto, realça o rejuvenescimento da selecção, assim como o trabalho de continuidade que se impõe.