Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

29 Junho de 2018 | 17h37 - Actualizado em 29 Junho de 2018 | 17h37

Ciclismo: Dário António revalida título nacional de contra relógio individual

Benguela - O atleta da equipa do Petro de Luanda Dário António revalidou hoje, sexta-feira, em Benguela, na classe de Elite, o título de campeão nacional de contra-relógio individual, ao cronometrar 28 minutos e 10 segundos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ciclismo: Ciclista Dário António vencedor da prova de contra-relógio individual

Foto: Adão João Pedro

Na segunda posição ficou o seu colega Mário Carvalho, com o tempo 29.23 segundos, seguido de Igor Silva, da Jair Transportes, com o tempo de 29.32.

Na classe de juniores, Dalton Silva, do Hotel Luso, foi o primeiro, em segundo ficou Eugénio Pina (Jair Transportes) e em terceiro Efraim Viana (2 rodas).

Jorge Gonçalves, Luam Viegas e Mauro Fançony, ambos da equipa 2 rodas, foram os vencedores da classe juvenil.

Para os cadetes triunfaram Erick Pinheiro (2 rodas), Cristian Silva (2 rodas) e Herlander António (Jair transportes).

Em sub-23, o atleta da Jair transportes José Panzo é campeão nacional, seguido por Bruno Araújo e Adilson Zacarias, ambos do Petro de Luanda.

Quanto à categoria dos Master 30, Vanine Marito (2 rodas), Válter Silva (Jair transportes) e Márcio Gurgel (Orped) foram os grandes vencedores.

Em declarações à Angop, o campeão da classe rainha, Dário António, reconheceu as dificuldades que encontrou ao longo do percurso, tendo em conta o nível de preparação dos outros atletas.

Já Igor Silva, campeão absoluto de estrada, lamentou a derrota e ao mesmo tempo elogiou o nível de competição do seu adversário directo, e prometeu trabalhar para igualmente revalidar no domingo o título de campeão nacional de fundo.

O campeonato contou com 11 equipas em diversas categorias (Elites, Masters 30, 40 e 50, juvenis, juniores e cadetes) das províncias de Benguela, Luanda, Malanje, Lundas-sul e norte, Huíla e Huambo.

Sábado será disputada a prova de contra relógio por equipas de 50 quilómetros, e domingo a prova rainha de fundo de 150 quilómetros.

O veterano ciclista Alberto da Silva “Pepino” é um dos grandes homenageados deste campeonato, pelos feitos a nível da modalidade e do desporto, bem como António Vidal “ Mecânico”, falecido recentemente durante uma prova de conta relógio.

Leia também