Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

06 Junho de 2020 | 07h50 - Actualizado em 06 Junho de 2020 | 08h19

Angolana pode ser melhor lateral em Espanha

Luanda - A andebolista Magda Cazanga, que evolui no Balonmano Salud Tenerife da Espanha, concorre ao prémio de melhor lateral esquerda da liga espanhola, época 2019/20.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Magda Cazanga ao serviço do Petro de Luanda (arquivo)

Foto: Henri Celso

A jogadora da selecção nacional destacou-se no campeonato espanhol antes da anulação devido à covid-19, quando faltavam nove jornadas para o fim e a sua equipa ocupava a 9ª posição.

A prova foi ganha pela formação do Bera Bera, onde evoluiu a também angolana Azenaide Carlos (2011-2013).

 A jogadora, que marcou mais de 50 golos ao longo da temporada, sendo 7 na partida de estreia, foi preponderante para a recuperação do conjunto que vinha de uma série de derrotas.

Magda Cazanga, proveniente do Petro de Luanda, ficará mais um ano no clube espanhol, após ter renovado o contrato, em Maio último, até 2021.

A votação ocorre em várias plataformas digitais, destacando-se o Facebook, Instagram e Twitter.

Esta é a primeira experiência da jogadora no estrangeiro, depois de dezasseis anos ao serviço do Petro de Luanda, onde conquistou todas as competições internas.

Além fronteiras, venceu a Taça dos Clubes Campeões de África, Taça dos Clubes Vencedores das Taças e a Supertaça Babakar Fall.

A lateral, bi-campeã africana em Luanda (2016) e no Congo (2018), disputou por três ocasiões o Campeonato do Mundo, o último dos quais em 2019, em Kumamoto (Japão).

Assuntos Andebol  

Leia também
  • 21/05/2020 20:43:55

    "Anular época seria precipitado" - Godinho

    Luanda - O presidente da Federação Angolana de Andebol (FAAND), Pedro Godinho, afirmou que seria precipitado anular as provas devido à covid -19, porque entende que a época deve ser jogada, ainda que seja até final do ano, em nome da verdade desportiva.

  • 20/05/2020 09:26:57

    Presidente da FAAND pondera liderar COA

    Luanda - O presidente da Federação Angolana de Andebol (FAAND), Pedro Godinho, afirmou à Angop, em Luanda, que aceitaria o desafio de liderar o Comité Olímpico Angolano (COA) caso fosse proposto por membros da Comissão Executiva do organismo.

  • 20/05/2020 06:45:51

    Andebol: Pedro Godinho defende lista única

    Luanda - O presidente cessante da Federação Angolana de Andebol (FAAND), Pedro Godinho, defendeu em entrevista à Angop, em Luanda, a constituição de uma lista única nas eleições para o quadriénio 2020/2024, para garantir a continuidade dos programas.