Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

25 Julho de 2014 | 05h22 - Actualizado em 25 Julho de 2014 | 05h22

Angola: Empresários podem dinamizar relação comercial entre Angola e Portugal

Luanda - Acelerar os processos de investimentos em Angola e Portugal é o principal desafio que se coloca aos empresários dos dois países, considerou nesta quinta-feira, em Luanda, o ministro português da Economia, António Pires de Lima.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à imprensa, no final de um encontro com o homólogo angolano, Abraão Gourgel, o responsável luso disse que “Angola e Portugal beneficiam de estratégias do fórum comercial mutuamente favoráveis”.

António Pires de Lima lembrou igualmente que a dinamização das parcerias entre as empresas angolanas e portuguesas pode assumir preponderância no processo de expansão económica dos dois países.

“Precisamos acelerar o processo de investimentos nos dois lados, sendo isto favorável aos dois estados”, acrescentou o responsável.

As trocas comerciais entre Angola e Portugal renderam sete milhões de euros em 2013. Dados da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) revelam que Angola representa para Portugal o mercado mais importante fora do espaço da União Europeia.

Os valores das exportações de bens e serviços de Portugal para Angola nos primeiros quatro meses de 2013 totalizaram 1,343 mil milhões de euros. No sentido inverso, e no mesmo período, as vendas de Angola a Portugal totalizaram 1,127 mil milhões de euros.

Segundo dados do International Trade Center (ITC), subsidiária da Organização Mundial do Comércio, a quota de mercado de Portugal no contexto das importações angolanas fixou-se em 18,1 por cento em 2011, posicionando-se no primeiro lugar enquanto fornecedor.

Por outro lado, Portugal representou cerca de 2,5 porcento no total das exportações angolanas em 2011, ocupando a 8.ª posição na relação de clientes.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 31/01/2019 20:26:25

    Angola apresenta medidas para realização de negócios

    Luanda - O embaixador de Angola na Guiné-Bissau, Daniel Rosa, falou hoje, quinta-feira, em Bissau, sobre a qualidade de negócios e as medidas adoptadas pelo Executivo angolano para a sua realização no país.

  • 31/01/2019 20:01:42

    Angola prepara regresso aos mercados financeiros internacionais

    Luanda - Angola prepara o retorno aos mercados financeiros internacionais, após ter alcançado um acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), declarou, segunda-feira última, a secretária de Estado do Tesouro angolana, Vera Daves.

  • 25/01/2019 19:33:02

    Preço de hotéis inibe clientes em Luanda

    Luanda - A província de Luanda, fundada oficialmente a 25 de Janeiro de 1576, continua a liderar o "ranking" da rede hoteleira do país, com um total de 109 hotéis e 50 resorts, muitos dos quais duramente afectados pela crise económica iniciada em finais de 2014.

  • 25/01/2019 17:49:39

    Trabalhadores do CFL suspendem greve

    Luanda - Os 17 comboios do Caminho de Ferro de Luanda (CFL) voltam a circular com normalidade, a partir da próxima segunda-feira, como resultado da suspensão da greve geral iniciada a 14 de Janeiro. A suspensão deve vigorar até ao dia 31 de Março próximo.