Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

07 Julho de 2015 | 16h36 - Actualizado em 07 Julho de 2015 | 16h36

Huíla: Identificadas novas áreas mineiras no país

Lubango - Novas áreas de exploração mineira foram identificadas nas províncias da Huíla, Huambo, Cuando Cubango, Cuanza Norte e Cuanza Sul, no âmbito do processo de levantamento geológico em curso no país, anunciou hoje, na cidade do Lubango (Huíla), o ministro da Geologia e Minas, Francisco Queirós.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Francisco Monteiro Queirós - Ministro da Geologia e minas

Foto: Pedro Parente

Falando aos jornalistas após a avaliação do sector mineiro da região, onde trabalhou por dois dias, o ministro Francisco Queirós disse que durante a primeira fase de levantamento geológico, já concluída, foram identificadas “animálias minerais”, que merecerão uma atenção minuciosa na segunda etapa.

“Ainda é muito cedo para se certificar que tipo de minerais se tratam, mas estão identificadas as animálias e vamos passar para a fase seguinte que é de sobrevoo intensivo nestes locais, ou seja, os aviões vão sobrevoar em malhas mais apertadas para que obtenham dados mais fiáveis, para que depois os geólogos recolham as amostras e leva-las aos laboratórios para identificar o seu potencial”, disse Francisco Queirós.

Afirmou que até 2017 ter-se-á o mapeamento geológico completo do país, com a identificação e a localização das ocorrências, para depois disponibilizar estas informações aos potenciais investidores.

O Planageo integra também todos os subprogramas desse tipo de levantamento, nomeadamente nas especialidades de geofísica, geoquímica, geologia, geotécnica, hidro-geologia, infra-estruturas laboratoriais, formação e capacitação de quadros.

O objectivo é criar uma informação credível tratada e mapeada que ficará à disposição do Estado, para programar a gestão e exploração de recursos minerais a longo prazo, bem como de potenciais investidores, decisores, académicos e todos demais interessados.

Leia também
  • 03/02/2019 10:32:56

    Mais de mil milhões de kwanzas serão empregues em projectos na Matala

    Matala - Mil milhões, 18 milhões, 527 mil e 126 Kwanzas foram disponibilizados, no âmbito do Orçamento Geral do Estado (OGE) referente ao exercício económico de 2019, para financiar 37 projectos no município da Matala.

  • 02/02/2019 12:56:57

    Huíla: Caluquembe necessita de mais 50 técnicos agrícolas

    Caluquembe - O município de Caluquembe, a cerca de 193 quilómetros a norte do Lubango, província da Huíla, precisa de pelo menos 50 técnicos agrícolas para dar resposta às 225 associações e 50 cooperativas de camponeses nas comunas da Sede, Calepi e N'gola, que compreendem a circunscrição.

  • 02/02/2019 10:08:20

    Huíla: Caluquembe colhe 15 toneladas de café arábico em 2018

    Caluquembe - Quinze toneladas de café arábico foram colhidas no ano agrícola de 2018 no município de Caluquembe, província da Huíla, registando um aumento de mais sete toneladas em relação a 2017, anunciou hoje (sábado) o director local da Agricultura, Pecuária e Pescas, Eliseu José.

  • 28/01/2019 17:58:18

    Doenças matam mais de 100 cabeças de gado bovino na Matala

    Matala - Pelo menos 102 cabeças de gado bovino morreram em 2018 no município da Matala, província da Huíla, mais 62 em relação ao período anterior, vítimas de doenças como peripneumonia contagiosa, carbúnculos hemático e sintomáticos, anaplasmose e dermatite nodular.