Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

21 Outubro de 2016 | 14h21 - Actualizado em 21 Outubro de 2016 | 14h20

Moxico: Combate a crise económica deve envolver empresários

Luena - O combate à crise económica e financeira que o país enfrenta devem envolver os empresários, mantendo-se firmes aos seus projectos de investimentos defendeu hoje, no Luena, o chefe de departamento para os Serviços Fiscais da VII Região Tributária, Augusto Caculo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: Augusto Caculo, Chefe do Departamento dos Serviços Fiscais da VII região Tributária

Foto: David Dias

Em declarações à Angop, à margem do lançamento da campanha de Educação Fiscal, para falar das estratégias para aída da crise, Augusto Caculo apesar de reconhecer as dificuldades que o empresários passam, encorajou a criatividade para manutenção da estabilidade económica do país.

Para o responsável, estas dificuldades devem servir de força motriz para elevar-se a actividade económica, através do empreendedorismo, criatividade e políticas de financiamentos externos, promovendo o equilíbrio económico.

Adiantou que as empresas são os principais contribuintes do Estado, porque quanto mais empresas mais impostos se arrecada, daí a importância de continuarem firmes na execução das suas actividades.

Lembrou que a VII Região Tributária, que corresponde as províncias da Lunda Norte, Lunda Sul e Moxico, vai continuar a trabalhar com vista a encurtar distâncias entre as repartições fiscais e o contribuinte, como forma de dinamizar, cada vez mais, a actividade empresarial e contribuírem com mais receitas para o Estado.

Leia também
  • 21/10/2016 14:18:20

    Moxico: Jornalistas e juristas debatem impostos e sua função social

    Luena - Os jornalistas e juristas da província do Moxico foram hoje, na cidade do Luena, esclarecidos sobre a importância do imposto e sua função social e o dever do pagamento do imposto.

  • 21/10/2016 14:14:30

    Moxico: Receita comunitária dos munícipes ainda é de 50 porcento

    Luena - A capacidade contributiva actual, com vista a arrecadação das receitas comunitárias dos habitantes do município do Moxico, sede da província homónima, é ainda muito baixa, estimada em 50 porcento, informou hoje, no Luena, o chefe de repartição fiscal do Luena, António Cassange.

  • 21/10/2016 14:09:15

    Moxico: Cameia acolhe acto provincial da abertura da campnha agrícola

    Luena - O município da Cameia, a 102 quilómetros a leste da cidade do Luena, acolhe sábado, o acto provincial da abertura oficial da campanha agrícola 2016/2017, na província do Moxico, em cerimónia a ser presidida pelo governador, João Ernesto dos Santos "Liberdade".