Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

20 Janeiro de 2017 | 12h28 - Actualizado em 20 Janeiro de 2017 | 13h31

Moxico: Viveiro do perímetro Luena Rega tem duas mil acácias

Luena - O viveiro do perímetro irrigado "Luena Rega S.A." conta com duas mil plantas "acácia australiana", Magium, para arborizar a partir deste ano, as artérias da cidade do Luena, seus arredores e as demais sedes municipais desta província.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: plantas de acácias

Foto: Kinda Kyungu

Além das acácias temos  disponíveis também 200 plantas de mussivi (pão ferro), disse hoje, sexta-feira, à Angop, o administrador para os recursos humanos e finanças da Sociedade Gestora do Perímetro, António Cambolo Moisés.

Informou que numa primeira fase o sector vai priorizar a criação de um polígono florestal ao longo dos 21 quilómetros de extensão do perímetro irrigado, isto é, desde o reservatório até a zona de descarga. 

O responsável esclareceu que a escolha da espécie “Mussivi” vai ajudar os exploradores de madeira na substituição das árvores abatidas nos locais onde exercem a sua actividade.

Referiu que a ideia visa corresponder a política do Executivo angolano, segundo a qual, onde sai uma árvore deve – se plantar três outras.

Convidou os madeireiros que não possuem viveiros a procurar os serviços da sociedade gestora do perímetro e adquirirem as plantas para substituição, com vista a contribuir no combate a desertificação e progressão das ravinas. 

Leia também
  • 09/02/2019 06:41:30

    Ataque anónimo contra governo angolano nas redes sociais usa documento falso do FMI

    Luanda - Um ataque anónimo contra o governo angolano foi lançado sexta-feira, 8, nas redes sociais, com base num falso documento atribuído ao Fundo Monetário Internacional (FMI), que critica severamente a actual situação económica do país.

  • 08/02/2019 06:15:45

    Ministro acredita na recuperação do poder de compra com revisão salarial

    Ndalatando - O ministro da Administração Pública Trabalho e Segurança Social (MAPTSS), Jesus Maiato, considerou, quinta-feira, no Cuanza Norte, que a revisão e o reajustamento da tabela indiciária de salários da função pública permitiram recuperar o poder de compra dos funcionários.

  • 06/02/2019 19:16:16

    INE lança recenseamento agro-pecuário

    Luena - O Instituto Nacional de Estatística (INE) procedeu hoje, quarta-feira, no Luena, ao lançamento do Recenseamento Agro-Pecuário e Pescas (RAPP), cuja recolha principal vai decorrer, nas províncias do Moxico, Uíge, Cuanza Sul e Benguela, de Fevereiro a Dezembro.

  • 05/02/2019 19:14:15

    Angola quer ajuda francesa para edificar economia forte

    Luanda - O Executivo angolano está a contar com ajuda do Governo francês para a edificação no País de uma economia forte, menos dependente do petróleo, competitiva e capaz de gerar prosperidade.