Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

10 Março de 2017 | 23h17 - Actualizado em 11 Março de 2017 | 16h59

Vila para reassentamento da população de Laúca já em fase de conclusão

Laúca - O director do Aproveitamento Hidroelectrico de Laúca, Elias Estevão, informou nesta sexta-feira, na província de Malanje, município de Cacuso, que a vila de reassentamento para população que será desalojada da área a ser inundada pela albufeira, já se encontra na sua fase de conclusão.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Pormenor da vila residencial de Laúca

Foto: Francisco Miudo

Em declarações à imprensa a propósito da enchimento da Albufeira da barragem de Laúca, a acontecer neste sábado, dia 11 de Março, Elias Estevão referiu que serão 120 habitações para 60 famílias e a mesma está a ser construída na província do Cuanza Sul, município do Mussende.

Assegurou que na vila de reassentamento serão criadas todas infra-estruturas sociais, como mercados, administração, posto médico e escola.

Quanto à data de reassentamento, frisou que está prevista para os próximos 15 dias.

De realçar que, foram identificadas algumas aldeias na zona directamente afectada pela albufeira. Dentre as quais, na zona norte, foi identificada uma aldeia de pescadores que irá ficar submersa com o enchimento da albufeira, da barragem de Laúca, que vai produzir, a partir de Julho, dois mil e 70 megawatts.

Leia também
  • 06/02/2019 19:16:16

    INE lança recenseamento agro-pecuário

    Luena - O Instituto Nacional de Estatística (INE) procedeu hoje, quarta-feira, no Luena, ao lançamento do Recenseamento Agro-Pecuário e Pescas (RAPP), cuja recolha principal vai decorrer, nas províncias do Moxico, Uíge, Cuanza Sul e Benguela, de Fevereiro a Dezembro.

  • 05/02/2019 19:14:15

    Angola quer ajuda francesa para edificar economia forte

    Luanda - O Executivo angolano está a contar com ajuda do Governo francês para a edificação no País de uma economia forte, menos dependente do petróleo, competitiva e capaz de gerar prosperidade.

  • 05/02/2019 12:26:06

    Troços Lucala/Cacuso e Malanje reabertos

    Malanje - Os troços rodoviários que ligam os municípios de Lucala/Cacuso e Cacuso/Malanje, numa extensão de 68 quilómetros cada, ao longo da estrada nacional 230, foram reabertos nesta segunda-feira.

  • 04/02/2019 12:48:02

    Luanda acolhe Fórum Empresarial França-Angola

    Luanda - Um Fórum Empresarial França-Angola, que contará com a participação de uma comitiva de representantes de grandes empresas francesas do Movimento de Empresários Francês (MEDEF), será realizado na próxima terça-feira (5), em Luanda.