Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

15 Julho de 2017 | 05h46 - Actualizado em 15 Julho de 2017 | 01h00

Moxico: Recomendada maior interação entre academia e o sector produtivo

Luena - O Workshop sobre as potencialidades agrícolas do Moxico, terminado sexta-feira, no Luena, recomendou a necessidade de haver maior interação entre a academia e o sector produtivo público e privado, para dinamizar os indicadores de produção.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: Particioantes do Workshop Sobre Potencialidades Argícolas da Provincia do Moxico

Foto: gentileza de Eusébio Fonseca

A recomendação vem expressa no comunicado final do encontro, que decorreu nos dias 13 e 14 do corrente mês, numa promoção da Universidade José Eduardo dos Santos (UJES).

Segundo os participantes, o fomento de parcerias e oportunidades institucionais deve assentar-se em objectivos comuns e possuir vantagens mútuas, visando melhorar a qualidade do ensino e tornar mais adequado os desafios actuais do desenvolvimento socioeconómico.

Os 273 participantes defenderam a necessidade de se introduzir novos cursos no próximo ano académicos 2018, na Escola Superior Politécnica do Moxico (ESPM), tendo em conta as potencialidades da província, com vista a diversificar a qualidade de quadros.

Os participantes concluíram que as experiências e os conhecimentos absorvidos e partilhados nos domínios dos recursos florestais, da produção do mel, da madeira e da suinocultura, permitirão aos agentes do sector agropecuário, melhorar as suas práticas e estimular o índice de produtividade.

Em dois dias, os participantes abordaram, entre outros temas, os recursos florestais da província, sua valorização no contexto de desenvolvimento económico, social, ambiental, o plano de medidas para melhorar a gestão de recursos florestais, bem como as políticas do Ministério da Agricultura que visam impulsionar a economia nacional.

O evento, orientado pelo secretário de Estado da Agricultura, José Amaro Taty, decorreu sob o lema ”Reforçar o Conhecimento para Promover o Desenvolvimento”, foi promovido pela UJES, em parceria com o Ministério da Agricultura, Governo da Província do Moxico e a Fundação Africana para a Inovação.

Leia também
  • 06/02/2019 19:16:16

    INE lança recenseamento agro-pecuário

    Luena - O Instituto Nacional de Estatística (INE) procedeu hoje, quarta-feira, no Luena, ao lançamento do Recenseamento Agro-Pecuário e Pescas (RAPP), cuja recolha principal vai decorrer, nas províncias do Moxico, Uíge, Cuanza Sul e Benguela, de Fevereiro a Dezembro.

  • 05/02/2019 19:14:15

    Angola quer ajuda francesa para edificar economia forte

    Luanda - O Executivo angolano está a contar com ajuda do Governo francês para a edificação no País de uma economia forte, menos dependente do petróleo, competitiva e capaz de gerar prosperidade.

  • 04/02/2019 12:48:02

    Luanda acolhe Fórum Empresarial França-Angola

    Luanda - Um Fórum Empresarial França-Angola, que contará com a participação de uma comitiva de representantes de grandes empresas francesas do Movimento de Empresários Francês (MEDEF), será realizado na próxima terça-feira (5), em Luanda.

  • 02/02/2019 07:25:27

    Metas do Prodesi passam por financiamento bancário

    Luanda - Os bancos comerciais terão papel fundamental, através da disponibilização do crédito, nos projectos do Programa de Apoio à produção, diversificação das exportações e substituição das importações "PRODESI", argumentaram economistas ouvidos pela Angop.