Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

01 Outubro de 2017 | 00h15 - Actualizado em 02 Outubro de 2017 | 20h28

Angola: Dia Internacional do café celebra-se hoje

Luanda - Assinala-se hoje em todo o mundo o Dia Internacional do Café, numa altura em que em Angola o Ministério da Agricultura, através de incentivos aos cafeicultores, está a criar as bases para um relançamento da produção em grande escala desta commodity, que no passado foi uma das principais fontes de exportações e receitas para o país.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Colheita de café na fazenda Cangonjo no Uíge - Arquivo

Foto: Domingos Nicolau

A celebração da data, criada em 2015 pela Organização Internacional do Café (OIC) com o objectivo de promover a cultura e a tradição histórica do bago vermelho em todos os países produtores e consumidores, começou nesta sexta-feira, 29 de Setembro, e vai até domingo (1 de Outubro), data consagrado como o Dia Internacional do Café, segundo o organismo.

Em Angola, o ponto desta celebração está aprazado para 10 de Outubro, dia que marcará o início oficial da campanha agrícola 2017/2018.

A produção do café no país tem conhecido um aumento significativo, altura em que a produção do "bago vermelho" atingiu as sete mil e 950 toneladas, de acordo com dados do Instituto Nacional do Café (INCA).

O crescimento desta produção resulta dos incentivos proporcionados ao sector e do preço que é comercializado o café no mercado interno, que ronda em torno dos 600 kwanzas o quilograma.

O aumento do valor do financiamento e o número de produtores, assim como da modalidade dos viveiros a serem instalados nas zonas de produção, com vista a dinamização da produção do café em grande escala constituem os principais desafios do sector.

Para a presente época agrícola, o INCA prevê a produção de mais de dez mil toneladas de café.

O Dia Internacional do Café é uma celebração global da jornada do café, da fazenda aos locais de venda, uma oportunidade para homenagear os homens e mulheres que plantam e colhem este produto de grande valor comercial e estratégico nas economias dos países produtores.

Em 2015, a OIC e seus parceiros lançaram a primeira celebração anual oficial do Dia Internacional do Café com um site exclusivo que incluiu mais de 70 eventos em 35 países diferentes. Em 2016, pelo menos 130 eventos de 54 países foram publicados no site do Dia Internacional do Café.

Nesta data, a OIC convida as empresas privadas, comerciantes independentes, associações públicas e amantes do café em todo o mundo a organizar um evento ou uma campanha para o Dia Internacional do Café/2017.

De acordo com a Organização Internacional do Café, a exportação mundial deste produto registou um aumento de 8,8% em Maio último, em comparação com o período homólogo de 2016. Foram embarcadas 10,878 milhões de sacos de 60 quilogramas em comparação com 10,002 milhões de sacos em Maio do ano transacto.

Do total embarcado em Maio, 6,915 milhões de sacos foram de café arábico (mais 15,2% ante 2016, quando foram exportadas 6,004 milhões de sacos). A exportação de robusta no mês passado foi de 3,963 milhões de sacos (queda de 0,9%), pois em Maio de 2016 foram embarcadas 3,998 milhões de sacos.

A exportação mundial nos oito primeiros meses do ano agrícola 2016/2017 (Outubro a Maio) registou um crescimento de 5%, em relação ao mesmo período anterior, de 77,440 milhões para 81,316 milhões de sacos. Desse total, 51,110 milhões de sacos foram de arábica (mais 5,7%) e 30,206 milhões de sacos de robusta (mais 3,9%).

Assuntos Economia  

Leia também
  • 02/10/2017 16:56:54

    Angola: Perfil do novo ministro da Economia e Planeamento

    Luanda - O novo ministro da Economia e Planeamento, Pedro Luís da Fonseca, nomeado recentemente pelo Presidente da República, João Lourenço, antes de exercer o cargo foi secretário de Estado para o Planeamento e Desenvolvimento Territorial.

  • 02/10/2017 14:51:54

    Uíge: Administradora quer população do Quica organizada em associações

    Uíge - A administradora municipal do Uíge, Catarina Pedro Domingos, pediu à população da aldeia do Quica, neste segunda-feira, para continuar a enquadrar - se em associações e cooperativas agrícolas, a fim de aumentar a produção agrícola.

  • 01/10/2017 07:00:52

    Uíge: Defendido maior apoio agro-negócio

    Uíge - O director-geral da empresa de consultoria e gestão agrícola "Agrogest", Vacherote Thomas, defendeu no sábado, na cidade do Uíge, a necessidade do reforço do apoio aos produtores do sector “agro-negócio” da província, com vista ao aumento dos níveis de produção.