Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

14 Janeiro de 2018 | 06h08 - Actualizado em 14 Janeiro de 2018 | 06h07

Bié: Avarias de grupos geradores deixa Catabola as escuras

Catabola - Quatro grupos geradores, dos quais dois de 400 KVA instalados na sede da vila e em duas comunas do município de Catabola, 52 quilómetros a leste do Cuito (Bié), avariados há mais de dois anos, serão recuperados este mês (Janeiro), prometeu hoje, sexta-feira, o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à imprensa, após ter visitado a localidade, o dirigente considerou de crítica a situação, pelo facto de a região encontrar-se às escuras e sem água potável para o consumo há vários anos.

Entretanto, João Baptista Borges admitiu a possibilidade de as autoridades governamentais, em sincronia com a ENDE e a administração municipal, trabalharem o mais urgente possível para a recuperação dos grupos geradores avariados, assim como colocarem outros em alguns bairros da sede de Catabola, visando melhorar tal situação.

O dirigente assegurou estar para breve a construção de uma central térmica na circunscrição, tendo anunciado ainda que as vilas de Catabola e Camacupa beneficiarão de energia eléctrica, em 2020, através da linha da barragem de Laúca, que fornecerá este ano 400 megawatts às províncias do Bié, Huambo e Cuanza Sul.

O ministro anunciou também a previsão do Ministério por si tutelado implementar o sistema de energia solar a nível dos municípios da província do Bié, por formas a minimizar a situação.

Relativamente a problemática da água, João Baptista Borges disse que Catabola vai, dentro de dois anos, contar com um novo sistema de distribuição, em função da avaria do anterior, realçando que a nova captação será erguida sobre o rio Cunje.

Para minimizar esta situação, o ministro recomendou para breve a construção de três poços a manivelas na sede municipal, visando encurtar as distâncias percorridas, bem como reduzir as doenças resultantes do consumo de agua impropria.

O município de Catabola possui uma população estimada em mais de 120 mil habitantes, distribuídos nas comunas do Sande, Caiúera e Chiteta.

 

Leia também
  • 17/03/2018 17:11:03

    Ministro da Energia e Águas no Fórum mundial em Brasília

    Luanda - O ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges, seguiu este sábado para cidade de Brasília, capital federativa do Brasil, onde vai participar no VIII Fórum Mundial da Água, a decorrer de 18 a 23 do corrente mês.

  • 13/03/2018 18:26:11

    Sector de energia recebe investimentos de USD 13 mil milhões

    Luanda - O sector de Energia e Águas recebeu no quinquénio 2013/2017 investimentos do Estado no valor de USD 13 mil milhões, que incidiu, numa primeira fase, na expansão da capacidade de produção.

  • 07/03/2018 11:48:46

    Fazenda agro-industrial reduz para metade produção de milho

    Camacupa - Nove mil toneladas de milho serão colhidas na presente campanha agrícola na fazenda agro-industrial situada na comuna de Ringoma, município de Camacupa, província do Bié, numa extensão de mil e 500 hectares, informou o técnico da referida fazenda Estevão Miguel.

  • 05/03/2018 17:47:51

    Bié: País necessita de cinco milhões de toneladas de milho

    Cuito - Cinco milhões de toneladas de milho é a quantidade que o país necessita para reduzir o défice de cereais no país, segundo o ministro da Agricultura e Florestas, Marcos Nhunga.