Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

09 Fevereiro de 2018 | 16h34 - Actualizado em 09 Fevereiro de 2018 | 16h34

Antigos Combatentes criam cooperativas agrícolas de referência

Saurimo - O Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria prevê, ainda este ano, criar cooperativas agrícolas de referência nas 18 províncias do país, visando contribuir no aumento da produção alimentar.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Lunda Sul: Ernesto dos Santos Liberdade, Ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria

Foto: ANGOP

A informação foi avançada nesta sexta-feira, em Saurimo, pelo ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, João Ernesto dos Santos, que se encontra em visita de trabalho na província da Lunda Sul.

Disse que este projecto será analisado, discutido e aprovado no conselho consultivo alargado do Ministério, a realizar-se em Março próximo.

“Queremos com esta iniciativa, incentivar os apoios financeiros e materiais quer por parte dos governos provinciais, quer da classe empresarial, para que estas cooperativas produzam em grande escala e contribuam para auto-suficiência alimentar e posteriormente a sua exportação”, disse.

Além da criação das cooperativas de referência, o Ministério está a trabalhar no sentido de legalizar as 311 existentes para que possam exercer as suas actividades de forma organizada.

Na Lunda Sul, o ministro vai durante 72 horas auscultar os problemas das associações e cooperativas agrícolas controladas pela direcção provincial dos antigos combatentes e pensionistas.

O ministro vai constatar algumas unidades de produção das cooperativas e associações, para inteirar-se das suas dificuldades.

O Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria controla, a nível do país, um total de 160 mil assistidos.



 

Leia também
  • 07/02/2018 18:06:21

    Receitas de exploração de madeira crescem em 2017

    Saurimo - Sessenta e seis milhões, 138 mil e 148 Kwanzas foram arrecadados, em 2017, pelo Departamento Provincial do Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF) na Lunda Sul, no pagamento de multas, licenciamento de empresas e outros serviços, contra 35 milhões, 428 mil e 531 kwanzas, do igual período de 2016.

  • 01/02/2018 17:17:45

    Câmaras frigoríficas com perecíveis têm actividade encerrada

    Saurimo - Três câmaras frigoríficas com produtos perecíveis (frango, peixe e carne) foram encerradas nesta quarta-feira, pelos Serviços de Investigação Criminal (SIC), em Saurimo, província da Lunda Sul, devido ao mau estado de conservação.

  • 30/01/2018 00:02:14

    Inadec regista aumento de infracções na Lunda Sul

    Saurimo - Vinte e três infracções diversas foram registadas durante o ano de 2017, pelo Instituto Nacional de Defesa do Consumidor na Lunda Sul, contra as 19 de 2016, informou hoje, segunda-feira, em Saurimo, o director da instituição, Domingos Muatelembe.