Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

09 Fevereiro de 2018 | 16h34 - Actualizado em 09 Fevereiro de 2018 | 16h34

Antigos Combatentes criam cooperativas agrícolas de referência

Saurimo - O Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria prevê, ainda este ano, criar cooperativas agrícolas de referência nas 18 províncias do país, visando contribuir no aumento da produção alimentar.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Lunda Sul: Ernesto dos Santos Liberdade, Ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria

Foto: ANGOP

A informação foi avançada nesta sexta-feira, em Saurimo, pelo ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, João Ernesto dos Santos, que se encontra em visita de trabalho na província da Lunda Sul.

Disse que este projecto será analisado, discutido e aprovado no conselho consultivo alargado do Ministério, a realizar-se em Março próximo.

“Queremos com esta iniciativa, incentivar os apoios financeiros e materiais quer por parte dos governos provinciais, quer da classe empresarial, para que estas cooperativas produzam em grande escala e contribuam para auto-suficiência alimentar e posteriormente a sua exportação”, disse.

Além da criação das cooperativas de referência, o Ministério está a trabalhar no sentido de legalizar as 311 existentes para que possam exercer as suas actividades de forma organizada.

Na Lunda Sul, o ministro vai durante 72 horas auscultar os problemas das associações e cooperativas agrícolas controladas pela direcção provincial dos antigos combatentes e pensionistas.

O ministro vai constatar algumas unidades de produção das cooperativas e associações, para inteirar-se das suas dificuldades.

O Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria controla, a nível do país, um total de 160 mil assistidos.



 

Leia também
  • 05/11/2018 12:48:21

    Camponeses de Nacatenga recebem inputs agrícolas

    Saurimo - Vários "inputs agrícolas" e sementes, como sementes de milho, adubos, enxadas, catanas e outros meios, foram entregues domingo, na aldeia do Nacatenga, 20 quilómetros da comuna do Muriege, município do Muconda (Lunda Sul), com vista a aumentar a produção.

  • 22/10/2018 14:35:58

    Governo e Catoca analisam investimentos socioeconómicos

    Saurimo - O governo da Lunda Sul e a Sociedade Mineira de Catoca estudam a possibilidade de aprofundar e melhorar a cooperação existente nos domínios da educação, saúde, agricultura e desporto, nos próximos quatro anos.

  • 22/10/2018 14:26:40

    Sobas devem denunciar garimpeiros ilegais nas zonas diamantíferas

    Cacolo - A necessidade das autoridades tradicionais sedeadas no município do Cacolo, província da Lunda Sul, denunciarem a existência de garimpeiros ilegais nas zonas diamantíferas, foi defendida hoje, segunda-feira, em Saurimo, pelo governador provincial, Daniel Félix Neto.

  • 22/10/2018 14:15:28

    Gabinete da energia quer construir central fotovoltaica

    Cacolo - O Gabinete provincial da Energia e Água na província da Lunda Sul estuda a possibilidade de construir, no próximo ano, no município de Cacolo, numa primeira fase, uma central fotovoltaica, com capacidade para um megawatt, para oferecer energia eléctrica a mais de 27 mil habitantes.