Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

07 Dezembro de 2018 | 15h21 - Actualizado em 07 Dezembro de 2018 | 15h54

Parlamento pondera alteração do OGE/2019

Luanda - O Parlamento vai propor ao Executivo a alteração do preço de referência do barril do petróleo, no Orçamento de 2019, se a tendência de baixa persistir nos próximos meses, informou, nesta sexta-feira, a presidente da Comissão de Economia e Finanças, Ruth Mendes.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Deputados À Assembleia Nacional

Foto: Rosario dos Santos

Na proposta do OGE/2019, o preço de referência do barril do petróleo é de 68 dólares norte-americanos. Hoje (sexta-feira), o preço do barril do petróleo Brent, referência para as exportações angolanas, abriu a sessão em baixa na bolsa de Londres a 60,06 dólares.

Segundo Ruth Mendes, que falava à imprensa, à margem de uma sessão que previa a discussão do OGE/2019 na especialidade, o Parlamento vai aconselhar o Executivo a estar atento à volatibilidade do preço do crude no mercado internacional.

A deputada entende que não se deve propor agora a revisão do OGE, "porque, da mesma forma como o preço do petróleo está a baixar, pode subir.

"Há que ter cautelas, pois seria precipitado fazer uma proposta de revisão para agora ou para os primeiros meses de 2019", alertou.

A sessão de debate do OGE 2019 na especialidade foi adiada para próxima segunda-feira (10), porque os deputados tiveram pouco tempo para estudar e analisar o relatório parecer que fundamenta a proposta do orçamento.

A proposta de adiamento foi consensual, visto que muitos deputados precisavam de mais tempo.

A proposta de OGE para 2019 comporta receitas e despesas estimadas em 11,3 biliões de kwanzas.

Assuntos Economia  

Leia também
  • 04/02/2019 12:48:02

    Luanda acolhe Fórum Empresarial França-Angola

    Luanda - Um Fórum Empresarial França-Angola, que contará com a participação de uma comitiva de representantes de grandes empresas francesas do Movimento de Empresários Francês (MEDEF), será realizado na próxima terça-feira (5), em Luanda.

  • 02/02/2019 07:25:27

    Metas do Prodesi passam por financiamento bancário

    Luanda - Os bancos comerciais terão papel fundamental, através da disponibilização do crédito, nos projectos do Programa de Apoio à produção, diversificação das exportações e substituição das importações "PRODESI", argumentaram economistas ouvidos pela Angop.

  • 02/02/2019 06:20:13

    Economistas consideram oportuna revisão do OGE/2019

    Luanda - O economista Lopes Paulo considerou nesta quinta-feira, em Luanda, um imperativo a revisão em baixa do Orçamento Geral do Estado (OGE/2019), com preço referência do barril de petróleo a situar-se entre 50 a 55 dólares.

  • 01/02/2019 20:07:05

    Construção da barragem de Baynes estimada em USD 1,2 mil milhões

    Cacuso - A construção da barragem hidroeléctrica Binacional de Baynes, com início previsto para 2021, no rio Cunene, fronteira entre Angola e a Namíbia, está estimada em 1,2 mil milhões de dólares, avançou hoje (sexta-feira), em Malanje, o ministro angolano da Energia e Águas, João Baptista Borges.