Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

10 Agosto de 2018 | 22h36 - Actualizado em 10 Agosto de 2018 | 22h36

Capital social de USD 10 milhões para seguros é significativo

Luanda - O capital social de 10 milhões de dólares, para abertura de uma seguradora em Angola, constitui um valor significativo, tendo em conta o contexto de crise que o país atravessa, afirmou hoje o presidente da Agência Angolana de Supervisão de Seguros (Arseg), Aguinaldo Jaime.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ao falar no espaço Grande Entrevista da TV Zimbo, o gestor salientou existir   empresários angolanos   dispostos a aplicar  a sua poupança  na criação de novas  seguradoras, uma iniciativa que o órgão regulador dos seguros aplaude, por demonstrar confiança no futuro da economia.

Disse necessária a criação de condições para que o  negócio  segurador  seja  sustentável , para que o número de empresas,  num total de 27 controladas,  possam  exercer a sua actividade num  quadro de sustentabilidade e respondam com as expectativas dos angolanos.

“ Se  a economia não está  a crescer de forma  robusta, obviamente que  todos os negócios   se  ressentem  disso. E desta feita,  conta  a capacidade  da  governança dessas  empresas em   encontrarem  oportunidades e alternativas  para poderem  rentabilizar os seus  capitais  e aumentarem os seus  clientes e responderem as expectativas por parte dos seus  accionistas”, referiu.

O país, além das  empresas  seguradoras,   conta também com sociedades  gestoras de fundos de pensões.

Assuntos Seguros  

Leia também
  • 10/08/2018 22:20:24

    Gestor da Arseg realça aliança entre sector bancário e segurador

    Luanda - Os bancos comerciais angolanos começam a compreender que é positivo fazer aliança com o sector segurador, tendo em conta o papel da banca neste sector, realçou hoje o presidente do conselho de administração da Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (Arseg), Aguinaldo Jaime.

  • 10/08/2018 21:55:36

    Medidas para estabilização macroeconómica são positivas

    Luanda - As medidas adoptadas pelo Presidente da República, João Lourenço, para estabilização macroeconómica são positivas, apesar da inflação continuar elevada, segundo o presidente da Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (Arseg), Aguinaldo Jaime.

  • 21/05/2018 18:16:02

    Prémios brutos do BIC Seguros crescem 46%

    Luanda - O volume de prémios brutos emitidos pelo BIC Seguros cresceu, no ano transacto, 46 porcento em relação a 2016, tendo atingido aproximadamente três mil milhões de kwanzas, cumprindo deste modo os objectivos estratégicos definidos para o exercício.