Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

10 Agosto de 2018 | 16h22 - Actualizado em 10 Agosto de 2018 | 16h22

Mais de 100 mil hectares de florestas sem exploração

Malanje - Cento e 15 mil hectares de florestas para explorar madeira e mil para a exploração de carvão vegetal estão inexploradas nos municípios de Massango e Cambundi-Catembo por falta de empresas licenciadas para o efeito, informou hoje, nesta cidade, o responsável do Instituto de Desenvolvimento Florestal, Tomás Mizalaque.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A província não dispõe de nenhum agente concessionário para explorar madeira e carvão, por isso, torna-se urgente a criação de empresas do ramo para aproveitar o potencial que a região detém neste área, disse o responsável.

Entretanto, neste momento, o Ministério da Agricultura e Florestas tem na sua posse 18 processos de solicitação para a exploração de madeira e dois para o carvão.

A campanha florestal abre oficialmente na próxima semana e prevê licenciar em todo o país menos de 200 madeireiros, para explorar 300 mil metros cúbicos de madeira.

Leia também
  • 05/02/2019 12:26:06

    Troços Lucala/Cacuso e Malanje reabertos

    Malanje - Os troços rodoviários que ligam os municípios de Lucala/Cacuso e Cacuso/Malanje, numa extensão de 68 quilómetros cada, ao longo da estrada nacional 230, foram reabertos nesta segunda-feira.

  • 04/02/2019 12:48:02

    Luanda acolhe Fórum Empresarial França-Angola

    Luanda - Um Fórum Empresarial França-Angola, que contará com a participação de uma comitiva de representantes de grandes empresas francesas do Movimento de Empresários Francês (MEDEF), será realizado na próxima terça-feira (5), em Luanda.

  • 02/02/2019 07:25:27

    Metas do Prodesi passam por financiamento bancário

    Luanda - Os bancos comerciais terão papel fundamental, através da disponibilização do crédito, nos projectos do Programa de Apoio à produção, diversificação das exportações e substituição das importações "PRODESI", argumentaram economistas ouvidos pela Angop.

  • 02/02/2019 06:20:13

    Economistas consideram oportuna revisão do OGE/2019

    Luanda - O economista Lopes Paulo considerou nesta quinta-feira, em Luanda, um imperativo a revisão em baixa do Orçamento Geral do Estado (OGE/2019), com preço referência do barril de petróleo a situar-se entre 50 a 55 dólares.