Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

06 Setembro de 2018 | 15h26 - Actualizado em 06 Setembro de 2018 | 15h26

Inadec apresentada cartilha profissional no Cuanza Sul

Sumbe- O Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (Inadec) apresentou hoje na cidade do Sumbe, província do Cuanza Sul, a "Cartilha de Ética e Deontologia Profissional" da instituição aos membros do governo e aos funcionários locais.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Na  ocasião, a directora do instituto, Paulina Semedo, referiu que os princípios de conduta manifestam  o interesse em lidar com  os funcionários  e os beneficiários dos serviços de forma respeitosa, oferecendo-lhes sempre um tratamento baseado  no profissionalismo e harmonia.

Realçou que a cartilha de ética e deontologia profissional apresenta  o compromisso que o Inadec tem em defender os direitos dos consumidores, seguindo sempre uma postura responsável, ética, transparente  e de respeito mútuo entre  todos.

Acrescentou que na cartilha os funcionários encontrarão os principais mandamentos  da ética  que devem orientar  a conduta  no dia-a-dia  e as suas relações na instituição .

Disse que o objectivo da cartilha é unir  um conjunto de princípios e normas a fim de orientar as decisões da instituição.

Por seu turno o vice-governador para o sector económico politico e social, Joaquim de Almeida Júnior , disse que o lançamento desta cartilha representa uma prova clara dos interesses  dos cidadãos desta província.

" A cartilha é uma ferramenta de controlo e de motorização do comportamento dos trabalhadores do Inadec, cujo o propósito é elevar os padrões  de ética e deontologia profissional , fazendo com que os agentes cumpram um conjunto de princípios  e normas, assim  garantir um desempenho satisfatório  no exercício das suas funções engajando –os profissionalmente ,dando a responsabilidade da necessidade imperiosa e adoptar uma conduta  ética e digna  no acto de atender as pessoas", disse o responsável.

Segundo o Inadec no Cuanza Sul, durante o primeiro semestre deste ano receberam 21 reclamações,  das quais 18 foram esclarecidas, e realizaram 109 visitas em estabelecimentos comerciais.   

 

Leia também