Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

12 Setembro de 2018 | 18h34 - Actualizado em 12 Setembro de 2018 | 18h33

Proposta solução para melhorar fornecimento de energia

Saurimo - A construção dos aproveitamentos hidroeléctricos do Cassai, Luizavo, do campo eólico no Alto Zambeze, das mini-hídricas de Tchafinda, Luanguinga e Lucula, podem melhorar e cobrir satisfatoriamente o fornecimento de energia eléctrica da rede pública na província do Moxico, considerou hoje, nesta localidade, o director da Energia e Água da província do Moxico, Celestino João.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ao falar sobre a optimização de recursos para melhorar o fornecimento de energia e água na região, Celestino João apontou também a transferência de caudais do rio Cassai para o afluente Tchihumbue através de um canal a céu aberto, como solução para manter os níveis de produção de energia no aproveitamento hidroeléctricos do Tchihumbwe.

Este aproveitamento tem uma capacidade de 12 megawatts e fornece actualmente energia nos municípios de Dala (Lunda Sul) Camanongue e Luena (Moxico).

Na província, disse, constituem também prioridades, a aplicação de políticas que cuidam das necessidades de electrificação rural viradas para as zonas fronteiriças dos municípios do Luau, Alto Zambeze e Bundas.

A província do Moxico tem uma potência instalada de mais de 32.2 megawatts.

O VIII conselho consultivo alargado do Ministério da Energia e Água está analisar o plano director de desenvolvimento do sistema eléctrico 2018/2040, as estratégias dos governos provinciais para a expansão do abastecimento de água e distribuição de energia e o plano de acção para o quinquénio 2018/2022.

 

Leia também
  • 12/09/2018 18:10:17

    Zona de Comércio Livre acelera implementação do IVA

    Malanje - A implementação antecipada do Imposto de Valor Acrescentado (IVA) decorre da intenção de Angola aderir à Zona de Comércio Livre da SADC e continental em 2019, disse a técnica da Administração Geral Tributária (AGT), Djamila Sebastião.

  • 12/09/2018 17:40:48

    Crescimento desordenado dificulta rede de distribuição eléctrica

    Saurimo - O crescimento desordenado de bairros na província de Malanje está a dificultar a expansão da rede de distribuição de energia eléctrica, informou hoje, quarta-feira, em Saurimo (Lunda Sul) o director do Gabinete provincial de Infra-estruturas e Serviços Técnicos, João Miguel Correia.

  • 12/09/2018 16:15:00

    Malanje regista aumento da taxa de acesso à água potável

    Saurimo - A taxa de acesso à água potável nas zonas rurais e sedes comunais da província de Malanje, aumentou de 63 para 65 por cento nos últimos dois anos, com a implementação de 12 projectos (local e central) do Programa Água para Todos, informou hoje, em Saurimo, o director do Gabinete provincial de Infraestruturas e Serviços Técnicos, João Miguel Correia.