Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

14 Setembro de 2018 | 18h06 - Actualizado em 14 Setembro de 2018 | 18h06

Reposta circulação ferroviária entre Lubango e Namibe

Lubango - A circulação do comboio de passageiros e carga do Caminho-de-Ferro de Moçâmedes (CFM) no traçado Namibe/Huíla foi reposta, após 11 dias de interrupção, em consequência de uma colisão entre uma locomotiva de carga e outra de manutenção.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Huíla: LOCOMOTIVA DO CFM

Foto: MORAIS SILVA

Em declarações nesta sexta-feira à Angop, no Lubango, o director de comunicação e imagem do CFM, Jacob Hipólito disse que a retoma foi possível devido ao trabalho realizado pela equipa técnica da empresa chinesa responsável pela manutenção.

Informou que foram superados todos constrangimentos, processo facilitado também porque não houve danos à linha férrea.

Referiu que o primeiro comboio será realizado na madrugada de segunda-feira, partindo de Moçâmedes e com previsão de chegada às 9 horas no Lubango.

Entretanto, solicitou à população a ter confiança no transporte do CFM, por ser uma empresa que existe para servir os passageiros e mercadorias com preços relativamente baixos.

A circulação ferroviária foi interrompida no dia quatro deste mês, depois de uma colisão entre um comboio de carga e outro de manutenção que resultou na morte de 17 pessoas e no ferimento de 12, na localidade do Munhino, município da Bibala (Namibe).

O traçado Huíla – Namibe é de 260 quilómetros.

Leia também
  • 01/11/2018 18:09:54

    Economia quer valorizar mulher rural

    Lubango - A mulher rural deve ser mais valorizada, por ser o pivô da agricultura familiar e o agente da geração de rendimento colectivo, considerou hoje, no Lubango, o ministro da Economia e do Planeamento, Pedro Luís da Fonseca.

  • 01/11/2018 17:51:34

    "Triângulo do milho" mais valorizado pelo Executivo

    Lubango - Os municípios de Caconda, Caluquembe, Chicomba, Chipindo e Quipungo, regiões que compreendem o chamado "triângulo do milho", na província da Huíla, terão maior atenção do Executivo, por representar mais de 50% da produção de cereais em Angola, afirmou hoje, no Lubango, o secretário de Estado da Agricultura, Carlos Alberto Jaime.

  • 01/11/2018 17:43:18

    Jardins da Yoba produz 25 toneladas de milho híbrido

    Lubango - A empresa agro-industrial "Jardins da Yoba", situada no município da Chibia, na província da Huíla, prevê nos próximos 120 dias colher 25 toneladas de sementes de milho híbrido, que poderão ser lançadas à terra de forma experimental por agricultores em vários pontos do país, informou, hoje, no Lubango, o seu director de produção, João Saraiva.

  • 01/11/2018 13:36:35

    Associações de mulheres camponesas beneficiam de charruas

    Lubango - Treze charruas e seus acessórios, assim como outros inputs agrícolas, foram entregues pela administração do Lubango a duas associações de mulheres camponesas na comuna da Huíla, província com o mesmo nome, no âmbito do fomento da agricultura, combate à forme e redução da pobreza.