Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

06 Fevereiro de 2019 | 11h23 - Actualizado em 06 Fevereiro de 2019 | 11h23

Camponeses mais capacitados sobre práticas agrícolas

Mbanza Kongo - Noções que se prendem com a aplicação de adubos, densidade de sementeira, compasso e tamanho das estacas de mandioca, obtenção, selecção e cultivo em curvas de níveis para a protecção dos solos foram transmitidas a 572 camponeses na província do Zaire, no decorrer da primeira fase da campanha agrícola 2018/2019.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Campo de cultivo da mandioca

Foto: Estevão Manuel

Em declarações hoje à Angop, o responsável do gabinete provincial da Agricultura, Pecuária e Pescas, Gouveia Pedro, que fazia balanço da actividade desenvolvida pelo sector, precisou que as acções de formação beneficiaram camponeses dos municípios de Mbanza Kongo, Soyo, Nzeto, Cuimba, Tomboco e Nóqui.

Explicou que foram criados 21 campos, em igual número de aldeias, para a demonstração prática das técnicas de produção agrícola.

Revelou que, a primeira fase da campanha agrícola, que decorreu de Setembro de 2018 a Janeiro do presente ano, a sua direcção distribuiu 40 toneladas de adubos simples e composto, duas mil e 220 enxadas, duas mil catanas, mil pás e 100 machados.

Quanto às sementes, os camponeses da região receberam cinco toneladas de milho, duas toneladas de feijão macunde, uma tonelada e meia de feijão comum e cerca de quatro toneladas de amendoim (jinguba)

Segundo a fonte, estes inputs agrícolas, aliados à regularidade das chuvas que caíram na região permitiram atingir uma safra de sete milhões, 141 mil e 286 toneladas de produtos diversos como a mandioca, amendoim, milho, batata-doce, feijão, gergelim, entre outros.

Gouveia Pedro não avançou dados estatísticos referentes à safra da campanha agrícola 2017/2018.

Estiveram envolvidos, na primeira fase da campanha agrícola 2018/2019, 36 mil e 594 famílias camponesas, que prepararam e cultivaram 33 mil e 380 hectares, 98 porcento deste trabalho foi feito de forma manual.

Informou que o sector controla 186 associações de camponeses que congregam três mil e 511 membros, assim como 89 cooperativas, constituídas por dois mil e 488 agricultores.

 

Leia também
  • 05/02/2019 10:48:40

    Cuimba ganha primeira agência bancária

    Mbanza Kongo - A vila do Cuimba, situada a 62 quilómetros a Nordeste da cidade de Mbanza Kongo, conta, desde segunda-feira, com uma dependência do Banco de Poupança e Crédito (BPC), a primeira a abrir as portas naquela localidade, desde 1975.

  • 02/02/2019 19:13:44

    China promete mais investimentos nos sectores da agricultura e indústria

    Soyo - O embaixador da China em Angola, Cui Aimin, reiterou sexta-feira, na cidade do Soyo, província do Zaire, o apoio do seu país no desenvolvimento dos sectores da agricultura e indústria.

  • 02/02/2019 12:56:57

    Huíla: Caluquembe necessita de mais 50 técnicos agrícolas

    Caluquembe - O município de Caluquembe, a cerca de 193 quilómetros a norte do Lubango, província da Huíla, precisa de pelo menos 50 técnicos agrícolas para dar resposta às 225 associações e 50 cooperativas de camponeses nas comunas da Sede, Calepi e N'gola, que compreendem a circunscrição.