Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

12 Fevereiro de 2019 | 14h25 - Actualizado em 12 Fevereiro de 2019 | 19h44

Sodiam arrecada mais de USD mil milhões em receitas brutas

Luanda - A Sociedade de Comercialização de Diamantes de Angola (Sodiam) vendeu, em 2018, um total de 8.408.687, 87 quilates, gerando uma receita bruta de 1.223.725.185,45 dólares, informou hoje, em Luanda, o seu administrador para área de finanças e mercado artesanal.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Amostra de diamantes angolanos

Foto: Pedro Parente

Em declarações à imprensa à margem de uma “apresentação sobre o mercado”, Fernando Amaral esclareceu que esses mil milhões, duzentos e vinte e três milhões, setecentos e vinte e cinco mil, cento e oitenta e cinco, e quarenta e cinco centavos de dólares reflectem o total global do ano findo.

O responsável da Sodiam, empresa estatal angolana vocacionada à compra e venda de diamantes de produção nacional, disse que relativamente a 2017, verificou-se uma redução do volume, comercializado na ordem dos 10%, e um aumento da receita de cerca de 11%.

Quanto às realizações do mercado diamantífero no quarto trimestre de 2018, Fernando Amaral fez saber que neste período foi comercializado um volume de 2.508.220,59 quilates (dois biliões, quinhentos e oito milhões, duzentos e vinte mil e cinquenta e nove Cts).   

A cifra corresponde a um aumento de cerca de dois por cento, comparativamente ao quarto trimestre de 2017. Desta produção, 2.287.002,81 quilates (891,2%) de origem kimberlítica e 221.217,78 quilates (8,8%) de origem aluvionar.

O administrador para área de finanças e mercado artesanal da referida empresa filial da Endiama acrescentou que o preço médio total do período em análise situou-se em 151,92 dólares por quilates, o que representou um incremento de 26 % relativo ao período homólogo em 2017.    

Segundo o gestor, a receita bruta dos quatro últimos meses do ano passado proveio da actividade de comercialização, totalizando 381.051.472,69, o que se traduz num aumento de 63.263,592,80 (19%) comparativamente ao quarto trimestre de 2017.

Os diamantes comercializados no período em estudo foram essencialmente extraídos nas províncias da Lunda Sul (89,2%) e Lunda Norte (10,8%), envolvendo as empresas Sodiam, Catoca, Sociedade Mineira do Luó, Chitololo, Cuango, Luana, Camutwé, Lulo, Luminas e Luari Cambange.

Assuntos Diamantes  

Leia também
  • 12/02/2019 18:02:13

    Nova lapidaria vai produzir três mil quilates/mês a partir de 2020

    Luanda - A "Stone Polished Diamond (SPD)", fábrica de lapidação de diamantes e de pedras especiais, inaugurada nesta terça-feira, na capital do país, vai engajar-se para aumentar a sua produção, até 2020, de dois mil para mais de três mil quilates/mês.

  • 11/02/2019 11:47:18

    País ganha nova fábrica de lapidação de diamantes

    Luanda - Uma nova fábrica de lapidação de diamantes e de pedras especiais será inaugurada, esta terça-feira (dia 12), em Luanda, como resultado de uma parceria entre investidores privados angolanos e a Sociedade de Comercialização de Diamantes de Angola (SODIAM).

  • 31/01/2019 21:17:30

    Sodiam arrecada USD 16,7 milhões com 1º leilão de diamantes

    Luanda - Pelo menos 16,7 milhões de dólares norte-americanos foram arrecadados pela Sodiam, resultado da realização quarta-feira e hoje (quinta-feira) do primeiro leilão de sete pedras de diamantes brutos de grande quilate do projecto Lulo, situado na província da Lunda Norte.