Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

31 Dezembro de 2019 | 14h44 - Actualizado em 31 Dezembro de 2019 | 17h19

Retrospectiva: Benguela inaugura complexo industrial

Benguela - A inauguração, no mês de Novembro, de um complexo industrial que prevê produzir mil toneladas de alimentos por mês e a visita do Chefe de Estado português, Marcelo Rebelo de Sousa, no mês de Março, foram destaque em 2019, na província de Benguela.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Complexo industrial Carrinho em Benguela

Foto: Francisco Miúdo

A 30 de Novembro, o Presidente da República, João Lourenço, inaugurou um complexo industrial do grupo empresarial angolano Carrinho, localizado na zona industrial da Taca, município da Catumbela.

Com um investimento de usd 600 milhões, o complexo integra 17 fábricas, 15 das quais voltadas à produção de alimentos e duas de bens não alimentares.

O empreendimento visa alavancar o sector agro-industrial com estímulo para o aumento da produção nacional de milho, trigo, cana-de-açúcar, soja, feijão, arroz e carnes.

A iniciativa tem igualmente como propósito a redução, em até 60 por cento, da importação de produtos acabados nessa cadeia.

No complexo industrial sobressaem moagens de milho, trigo, entre outros cereais, bem como fábricas de produção de bolachas, bolos, massas alimentícias, leite condensado, papas lácteas e doces.

Completam o empreendimento as unidades de enchimento de óleo vegetal, produção de maionese, margarina, sabões, sabonetes, ração animal e de processamento de carnes, num total de mil e 300 toneladas/ano.

O complexo está dividido em duas partes, sendo uma virada para a produção de sólidos e outra para líquidos. Quando estiver a funcionar em pleno espera empregar 900 pessoas.

No âmbito da visita de Estado que efectuou a Angola, no mês de Março, o Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, esteve na província de Benguela, onde permaneceu durante 24 horas, visitando os municípios de Benguela, Catumbela e Lobito.

Marcelo Rebelo de Sousa gostou da modernização do Porto do Lobito, na província de Benguela, dado o seu impacto na integração económica regional de Angola.

Na catumbela, foi recebido, à sua chegada, depois de apear do comboio 28309 do Caminho de Ferro de Benguela (CFB), que partiu do Lobito, por uma multidão que até cantou em coro: "Marcelo, nós te amamos".

O estadista luso reuniu-se com o governador Rui Falcão e orientou a sessão de encerramento do Fórum Empresarial Angola/Portugal.

Outro aspecto que mereceu destaque foi a inauguração, este mês de Dezembro, pela ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, da centralidade do Luhongo, no município da Catumbela (Benguela).

Na centralidade estão também espaços loteados para a construção de infra-estruturas e equipamentos sociais complementares, designadamente estabelecimentos comerciais, jardins e campos polidesportivos.

Mereceu igualmente destaque, a chegada, em Julho, de 50 turistas de várias nacionalidades, a bordo do comboio do primeiro comboio de luxo do operador turístico sul-africano “Rovos Rail”, que partiu de Dar Es Salaam, na Tanzânia, dia 14 de Julho, com destino a Angola, no âmbito de um safari de comboio transafricano denominado “Os dois oceanos”.

Leia também
  • 31/12/2019 17:17:24

    Abertura do troço Lucala-Malanje marca 2019

    Malanje - A província de Malanje viu, este ano, reaberto os troços rodoviários entre os municípios de Lucala-Cacuso e Cacuso-Malanje, um importante eixo de 136 quilómetros que estabelece a ligação entre Luanda e Leste do país.

  • 31/12/2019 14:04:03

    Retrospectiva: Construção da Refinaria destaque em 2019 em Cabinda

    Cabinda - Depois de estudos para se determinar a potencialização da oferta dos derivados do petróleo bruto na província de Cabinda, foi lançado oficialmente, este mês, o projecto para a construção de uma Refinaria nesta região nacional.

  • 28/12/2019 07:49:08

    Comboio com 800 toneladas de cimento segue para RDC

    Lobito - Um comboio com 20 vagões transportando 800 toneladas de cimento partiu sexta-feira do Lobito para o Luena, no Moxico, de onde seguirá para a República Democrática Congo (RDC).